6min. de leitura

Aprendizado para momentos difíceis da vida!

“Eu senti o céu quando meus joelhos se jogaram no chão.”



Há momentos em que nos encontramos na maior escuridão que já podemos presenciar em nossa vida, e parece que não há saída; a angústia toma conta do nosso coração. E a nossa mente? Mente…

Você começa a escutar vozes que dizem que não há o que fazer, apenas sentar e esperar, que a luz só vem para os merecedores, pessoas de sorte, e você apoia suas costas castigadas pelas chicotadas da decepção em uma parede impossível de se ver na escuridão, e vai descendo, descendo, descendo e suportando a dor, até estar no chão e não ter mais forças para se levantar.

O coração dilacerado pela dor vai batendo mais forte na esperança de levantar você, e você apenas se joga ainda mais fundo, não se achando merecedor de uma luz nessa vida. Mas o coração não desiste e bate ainda mais rápido, e você começa a lembrar que precisa de ajuda, que precisa da ajuda de alguém porque não aguenta mais ficar sozinho. Sua voz tenta sair, mas há um nó na garganta tão grande, que o som de “socorro” não sai, então você tenta engolir, mas esse nó não desce. E você se pergunta: como eu desci tão baixo na minha dor? E se ninguém me escuta e se não consigo gritar, o que eu faço?


Ei, se está no chão, ajoelhe-se, una suas mãos e ore!

Existe uma força muito maior, quando achamos que não há esperança: o amor de Deus. Ele está pronto para nos auxiliar, está com as mãos esticadas para nos resgatar, mas de tanto olharmos para baixo, o que vemos são apenas vermes e sombras…

Ei, se está no chão, ajoelhe-se, una suas mãos e ore!

Não, não estamos sozinhos, apenas pensamos que estamos, mas não! Existe um exército do bem e do mal lutando pela sua vida, e precisa da sua ajuda para liderar um lado. Chega de medo, encare seus monstros, você não está sozinho, olhe nos olhos do monstro que o derrubou nesse chão frio e sujo de dor e lute no exército vencedor!


Ei, se está no chão, ajoelhe-se, una suas mãos e ore!

Enquanto lamentamos pela nossa existência, a vida continua, e o que fizemos dela enquanto estávamos paralisados pela dor? Qual é seu o propósito aqui? Mesmo que não saiba, apenas viva cada dia de uma vez e, como em estradas, haverá curvas, pedras, buracos, então acenda o farol da fé e siga.

Ei, se está no chão, ajoelhe-se, una suas mãos e ore!

Agora ore de todo o seu coração, com toda a sua fé, por menor que ela seja. Acredite, você é amado, neste mundo existem muitos com a mesma dor e precisam também da sua força, neste mundo há muitas carroças vazias fazendo barulho e você se incomodando e se culpando, e silenciando.

Pare de se martirizar, o mundo pode ser cruel sim, mas ele também é cheio de cor e amor, basta procurar. Não se importe com meia dúzia, enquanto somos bilhões e temos um único e verdadeiro salvador, que é invencível. Não se limite!

Ei, se está no chão, ajoelhe-se, una suas mãos e ore!

Existe uma força aí dentro de você que o quer liderando. Seu coração tem vida, seus pulmões, tudo aí dentro de você é único e juntos o fazem se levantar. Existe o visível e o invisível, e aquilo que nossos olhos não podem ver tem muito mais força do que um exército bem preparado.

Ei, se está no chão, ajoelhe-se, una suas mãos e ore, e depois levante-se e ande! Você não depende dos outros para ser feliz, você pode ser feliz em si mesmo. Olhe para dentro do seu coração, cure suas feridas, entregue a sua vida para quem o criou.

Viemos sozinhos a este mundo para descobrir sozinhos nosso caminho, e quando descobrirmos quem somos, em Jesus, levaremos uma multidão conosco, pois acenderemos a luz onde houver escuridão.

Ei, se está em pé, ajoelhe-se, una suas mãos e ore, e depois levante-se e ande!

Existem infinitas possibilidades para você neste mundo mas, para isso, é preciso olhar além, amar além, sentir além, silenciar e depois gritaaaar! Há muita gente querendo ouvir a sua voz. Não se limite, você é muito amado e amada. Acredite, levante-se e ande!

 

Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: Viparat Kluengsuwanchai/123RF Imagens.

Você sabia que O Segredo está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.