Pessoas inspiradoras

Arquiteto se torna primeiro homem negro a ganhar o prêmio considerado o “Nobel de Arquitetura”

Foto: Reprodução.
capa site Arquiteto se torna primeiro homem negro a ganhar premio considerado o Nobel de Arquitetura

Com dupla cidadania, Burkina Faso e Alemanha, Diébédo Francis Kéré une seu comportamento visionário com a necessidade de ajudar as comunidades.

O The Pritzker Architecture Prize é uma premiação anual que reconhece os arquitetos vivos mais influentes da atualidade, que possuem talento, visão e compromisso, mas que também tenham produzido contribuições significativas para a sociedade e para o meio ambiente. Chamado de “Nobel da arquitetura”, esse prêmio considerado “a maior honra da profissão”.

O prêmio consiste em R$ 495 mil e um medalhão de bronze, em um evento organizado apenas para convidados. Este ano ficou marcado como uma premiação histórica, foi a primeira vez que um homem negro conquistou a honraria, Diébédo Francis Kéré, arquiteto, educador e ativista social. Assim que soube que conquistou o prêmio, ele afirmou que tem a esperança de mudar o paradigma, fazendo com que as pessoas possam sonhar e se arriscar.

De acordo com o arquiteto: “Não é porque você é rico que você deve desperdiçar material. Não é porque você é pobre que você não deve tentar criar qualidade”, defende. Para ele, todas as pessoas merecem qualidade, luxo e conforto, e, além disso, todos estão interligados quando o assunto é crise energética e climática, e ele ainda explica que a democracia e a escassez precisam ser encaradas como um problema de todos.

Francis Kéré nasceu em Burkina Faso e se radicou em Berlim, na Alemanha, se tornando um dos arquitetos mais conhecidos pelo empoderamento e transformação da comunidade através da arquitetura. Sempre comprometido com a justiça social e uso apropriado dos materiais locais – em busca de conectar e responder ao clima natural –, ele aplica seus conhecimentos em países marginalizados, onde a arquitetura e a infraestrutura podem ser consideradas ausentes.

2 Arquiteto se torna primeiro homem negro a ganhar premio considerado o Nobel de Arquitetura

Direitos autorais: Reprodução/ Kéré Architecture.

O arquiteto constrói instituições educacionais, unidades de saúde, moradia profissional, edifício cívicos e espaços públicos, utilizando terrenos onde os recursos são considerados frágeis. É justamente por isso que profissionais da área afirmam que a expressão das obras de Francis Kéré ultrapassa o valor de um prédio em si.

O presidente e diretor-executivo da Organização Pritzker, Thomas Pritzker, disse durante a premiação, que aconteceu no dia 15 de março, que o arquiteto possui um trabalho pioneiro, sendo sustentável para a terra e seus habitantes, em locais de extrema escassez. Sendo considerado arquiteto e servidor, ele é capaz de “aprimorar a vida e as experiências de inúmeros cidadãos em uma região do mundo às vezes esquecida”.

3 Arquiteto se torna primeiro homem negro a ganhar premio considerado o Nobel de Arquitetura

Direitos autorais: Reprodução/ Kéré Architecture.

Mas não é apenas isso, mesmo usando recursos locais, em áreas hostis, Kéré nunca deixa de buscar a perfeição e a qualidade, por isso trabalha com construções que demonstram beleza, modéstia, ousadia e invenção, mostrando uma arquitetura íntegra. Em Burkina Fase, ele construiu a Escola Primária de Gando, em 2001, com o principal objetivo de reduzir as desigualdades sociais locais.

Para a construção da escola, precisou considerar o ambiente e a população, pensando em um projeto que pudesse combater o calor extremo e a baixa iluminação, isso tudo com recursos limitados. Além de arrecadar fundos, ele ainda criou oportunidades de trabalho para os moradores da comunidade, colocando-os desde a concepção até o treinamento profissionalizante. 

4 Arquiteto se torna primeiro homem negro a ganhar premio considerado o Nobel de Arquitetura

Direitos autorais: Reprodução/ Kéré Architecture.

O projeto foi considerado um sucesso e aumentou o número de alunos da escola de 120 para 700, catalisando a Habitação dos Professores, uma Extensão e a Biblioteca. A Citação do Júri afirma que Kéré sabe que a arquitetura não diz respeito ao objeto, mas ao objetivo; e que não se trata do produto, mas do processo. Seu inestimável trabalho nas escolas primárias e secundárias acabou fazendo com que outras instituições fossem criadas.

“Em um mundo em crise, em meio a valores e gerações em mudança, ele nos lembra o que foi e continuará sendo, sem dúvida, uma pedra angular da prática arquitetônica: um senso de comunidade e qualidade narrativa, que ele próprio é tão capaz de contar com compaixão e orgulho. Nisso ele fornece uma narrativa na qual a arquitetura pode se tornar uma fonte de felicidade e alegria contínuas e duradouras.”

5 Arquiteto se torna primeiro homem negro a ganhar premio considerado o Nobel de Arquitetura

Direitos autorais: Reprodução/ Kéré Architecture.

As obras do arquiteto estão construídas, em sua grande maioria, no continente africano, em países como Burkina Faso, Togo, Quênia, Moçambique, Sudão, Mali e República do Benin. Mas também construiu pavilhões e instalações na Dinamarca, Alemanha, Itália, Suíça, Reino Unido e Estados Unidos.

0 %