As 12 leis do karma, de acordo com o budismo:

5min. de leitura

O budismo é uma filosofia de vida que propõe uma transformação interna dentro dos seres humanos através de ensinamentos práticos, como a meditação. O budismo também ajuda no desenvolvimento da sabedoria e consciência enquanto etapas para a conquista da iluminação.



O karma no budismo

O significado de Karma é ação e ele está relacionado diretamente às ações dos seres humanos, pregando que tudo o que fazemos, por mais que pareça pequeno ou insignificante, volta para nós com a mesma intensidade.

Existem doze leis que regem o karma.

De acordo com o budismo, não existe nenhum deus ou entidade que monitore essas leis. Para eles, as leis provêm da natureza e as pessoas podem escolher aplicá-las ou não. Dessa maneira, cabe a nós escolhermos fazer o mal ou o bem e nos responsabilizar pelas consequências.

Abaixo estão explicadas as doze leis do karma, de acordo com o Budismo:


1. A grande lei

A primeira lei do karma também é conhecida como a lei de causa e efeito. Ele prega que tudo aquilo o que fazemos e emitimos ao universo volta para nós, e as coisas ruins voltam multiplicadas por dez. Na prática, isso significa que se transmitimos cuidado, atenção e amor para as pessoas, é isso que receberemos. Porém, se dermos raiva, decepção e tristeza, receberemos essas três coisas dez vezes mais.


2. Lei da criação

Nós fazemos parte do universo, estamos em unidade com ele, e portanto devemos realmente viver. Tudo o que existe ao nosso redor são indicações de nosso passado. Devemos criar aquilo que queremos em nossas vidas.


3. Lei da humildade

Tudo aquilo que evitamos encarar em nossas vidas, continua a acontecer. Quanto mais pudermos enxergar as coisas e as pessoas com mais humildade, mais nos elevamos.



4. Lei do crescimento

Nós somos nossas próprias companhias até o dia em que deixarmos esse mundo. Dessa maneira, para evoluirmos em nossos caminhos espirituais, precisamos primeiro mudar a nós mesmos, antes de outras pessoas ou situações.


5. Lei da responsabilidade

Se algo ruim acontece conosco, é porque existe algo negativo dentro de nós. Afinal, somos um reflexo do nosso ambiente. Devemos agir com responsabilidade.

6. Lei da conexão

Todas as nossas ações estão conectadas ao universo. Nossos passos na vida são todos de igual importância, porque todos fazem parte do nosso caminho para alcançarmos nossos objetivos. O ontem, o hoje e o amanhã estão ligados entre si.


7. Lei do foco

Nossa evolução na vida é gradual. Devemos dar um passo de cada vez. Nossos objetivos devem estar sempre em primeiro lugar em nossas mentes, para que a insegurança e a raiva não assumam o controle de nossas vidas.


8. Lei da doação

Se acreditamos que algo é verdade, em algum momento poderemos provar que é realmente verdade. Nós devemos aprender a pôr em prática o que aprendemos.


9. Lei do aqui e agora

Se estamos presos ao passado, é impossível vivermos e manifestarmos coisas positivas para nós mesmos no presente. Para avançarmos em nossa jornada, é necessário vivermos totalmente no presente.

10. Lei da mudança

As lições de vida em nossas vidas se repetem até que as tenhamos prendido. Se você nota que algo está se repetindo com muita frequência em sua vida, é porque precisa aprender alguma coisa com isso.


11. Lei da paciência e recompensa

As recompensas sempre são resultados de atitudes que tomamos em nossas vidas. Quanto mais dedicação, mais recompensas. Devemos viver com intensidade e dedicação, seremos recompensados no momento certo.


12. Lei da importância e inspiração

O valor de algo é o resultado direto da energia e intenção que investimos nele. Toda contribuição pessoal é também uma contribuição ao todo. A inspiração amorosa fornece uma contribuição ascendente e inspira o Todo.

Agora que você conhece as 12 leis do karma, entende que a vida é um reflexo das ações que realizamos. Então escolha suas atitudes com consciência.

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.