6min. de leitura

Às vezes, é preciso partir. Não perca tempo com indecisões! Não é feliz onde está? Vá embora!

Se você resolveu partir, aprenda também a lidar com algumas novas verdades…


A gente demora tanto tempo para resolver partir, seja da casa dos pais, do namoro ou do casamento que não dá mais certo, do emprego, que nos deixa infelizes, das crenças que nos condicionam a seguir desde crianças, da carcaça que levamos e que vai ficando tão pesada que, em um certo momento, não temos mais escolha a não ser a de nos despir dela e deixá-la para trás. E, no momento que a deixamos, nós nos damos conta de que a única limitação que nos prendia era exatamente aquela que nós mesmos criamos por ter medo das mudanças.

Às vezes, penso que, na verdade, a maioria das pessoas se mantêm em determinados estágios e situações porque sabem que, no fundo, ninguém é insubstituível, e entender que não somos tão importantes como acreditávamos mexe com o nosso ego. Entender que a vida segue, com ou sem nós por perto, que os problemas que antes só nós resolvíamos agora outras pessoas podem resolver é um pouco frustrante mas, ao mesmo tempo, é uma lição para a humildade.

A verdade nua e crua é que ninguém precisa de você para seguir vivendo.

Claro que você vai fazer falta, que vai ter seu lugar sempre no coração e no porta-retrato da família, mas se você era do tipo que tinha a ilusão de que a vida girava ao redor de seu próprio umbigo, sinto muito em decepcioná-lo, mas ninguém é insubstituível nesta vida.


Doeu? Leva para casa o que é seu! Se você resolveu partir, aprenda também a lidar com algumas novas verdades: sua vaga de emprego vai ser preenchida no dia seguinte, seu cachorro vai fazer festa para outra pessoa, seus pais e filhos vão sofrer, mas vão seguir a vida e a rotina deles, seu ex vai encontrar outra mulher

Tudo tem seu lado positivo…

Mas veja o lado bom de tudo isso: você vai perceber que as pessoas que o amam vão continuar amando, não por você ter partido ou ficado, mas porque o sentimento delas por você não muda, estando ao lado delas ou para lá de Marrakesh. E sabe o que é mais legal nisso tudo? Você vê quem são as pessoas que gostam de você de verdade! Quem gosta de você não se importa se você está a quilômetros ou a milímetros, sempre vai fazer questão de encurtar as distâncias e estar presente na sua vida, seja por uma lembrança, uma mensagem, um telefonema ou uma visita inesperada.


Essas pessoas vão sempre substituir a velha frase “estou com saudade” por “se prepara que estou chegando aí!”. Nem que seja por uma videochamada engraçada no meio de uma festa, para você poder participar, ou em uma conversa que lhe faça sentir teletransportada para ali.

Então, não perca mais tempo com indecisões, não se permita ficar em relacionamentos que o fazem sofrer até que se torne tão insuportáveis a ponto de o fazerem esquecer quem você realmente é. Não se permita ficar em um emprego que não o faça vibrar, não se permita ficar com alguém que não faça seus olhos brilharem e seu coração palpitar, não se permita ficar em um lugar que não lhe permita ser quem você é, não se permita aturar pessoas problemáticas só para fazer parte de um círculo social, não se permita se espremer para caber em qualquer lugar que não seja o seu, que não faça você se sentir confortável.

Então, não perca mais tempo com indecisões! Não é feliz onde está? Vá embora!

Do trabalho robótico para o qual você vai todos os dias, no piloto automático; do relacionamento que o coloca em dúvida sobre o tão incrível e especial que você é; dos amigos, que só aparecem quando você tem algo para lhes oferecer e tomam chá de sumiço quando chega a vez de se doarem para você. Vá embora do ninho dos seus pais, por mais aconchegante que seja, você precisa fortalecer suas asas e conquistar o próprio espaço no mundo. Vá embora das crenças que o limitam e o impedem de crescer e ser o que quiser. Enfim, vá embora da sua condição cômoda, que o impede de ser feliz.

Não estou dizendo que vai ser fácil, porque toda mudança exige adaptação e nos tira da zona de conforto, mas bem mais difícil seria passar a vida toda acomodado, de corpo presente em um lugar onde sua alma não se encaixa.

Escolher um caminho significa abandonar outros, querer percorrer todos os caminhos possíveis é acabar não percorrendo nenhum.

 

Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: 123RF Imagens.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.