Comportamento

Ashton Kutcher e Mila Kunis revelam que só dão banho nos filhos quando “veem a sujeira”

O casal tem dois filhos, Wyatt, de 6 anos, e Dimitri, 4, e acreditam que só precisam dar banho nas crianças quando é possível ver a sujeira nelas, caso contrário “é inútil”.



A polêmica sobre quantos banhos as crianças e os recém-nascidos devem tomar é recorrente entre pais e pediatras.

Enquanto alguns defendem que nos primeiros meses de vida o bebê não precisa tomar tantos banhos, e assim manter as defesas naturais da pele, outros acreditam no extremo oposto, e não veem sentido em não colocar água e sabão como parte dos hábitos diários da criança.

Na América Latina e nos países abaixo da linha do Equador, que passam por longos períodos de calor, é quase unanimidade que todos, inclusive os recém-nascidos, tomem banhos diários, muitas vezes mais de um. Mas nos países onde o frio toma conta dos meses do ano, o banho não faz tanto sucesso assim, principalmente entre os pais.


O casal de famosos Ashton Kutcher e Mila Kunis, numa entrevista para o podcast Armchair Expert, revelaram que não têm o costume de tomar banhos diariamente. Como se isso não gerasse controvérsia suficiente, os atores ainda disseram que nunca foram os pais que costumavam dar banhos frequentes nos filhos recém-nascidos.

Pais de Wyatt, de 6 anos, e Dimitri, de 4, Ashton Kutcher defendeu que os banhos devem ser dados quando é possível “ver a sujeira nas crianças”, caso contrário, é inútil. Mila Kunis ainda contou que costuma apenas lavar a região íntima e as axilas com água e sabão, na maioria das vezes, e o marido ainda completou que, quando malha, apenas lava o rosto com água para “retirar os sais”.

Direitos autorais: reprodução Instagram/@aplusk.

Kutcher ainda comentou que essa seria a melhor maneira de o corpo aprender a lutar contra as bactérias do dia a dia e que os germes que sobram depois de um dia de jogo não são tão horríveis quanto se possa imaginar.


O estilo de vida dos famosos talvez não faria muito sucesso no Brasil, mas uma reportagem do Today, que entrevistou o professor de dermatologia da Escola de Medicina e Ciências da Saúde George Washington, Dr. Adam Friedman, mostra que é uma prática defendida inclusive pela ciência.

Friedman explica que a água pode ser considerada o “irritante número um”, já que acaba eliminando fatores hidratantes naturais de nossa pele. Além disso, a American Academy of Dermatology Association recomenda que as crianças de 6 a 11 anos tomem banho ao menos uma vez na semana e que os banhos diários devem começar assim que elas atingirem a puberdade.

Direitos autorais: reprodução Instagram/@aplusk.

Nos países onde o calor impera, sabemos que os banhos fazem parte dos hábitos da população, começando logo nos primeiros dias de vida. A revelação dos atores pode soar um pouco estranha para quem possui uma cultura diferente, mas encontra respaldo em uma vertente científica, mostrando que existem muitas diferenças nas práticas de cada país.


Depois de ir à falência e dormir em barraca improvisada, homem supera dificuldades e vira empresário

Artigo Anterior

MC Kevin: Viúva se manifesta após nova testemunha citar envolvidos na morte

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.