publicidade

Azul transportará gratuitamente vacinas de covid-19 em mais de 100 cidades do país!

Em tempos difíceis, empresas e pessoas precisam se unir para garantir a retomada da normalidade. A Azul demonstra cooperação e dá grande exemplo.



Quando o ano começou, ninguém imaginaria que ele seria tão difícil para todo mundo. Não houve uma pessoa que não sofreu algum tipo de dano colateral causado pela covid-19. A doença pode nos afetar direta ou indiretamente, por meio de nossa infecção ou de algum parente ou conhecido que não conseguiu se safar, ou ainda pelos menores problemas, como não poder sair de casa com a frequência desejada.

O ano de 2020 é um sério candidato à maior anomalia que já vivemos. O pior é que tudo foi e está sendo tão difícil que a nossa esperança só pode ser renovada com um programa de vacinação em massa. Assim a covid-19 pode ser deixada para trás e o medo que permeia nosso cotidiano, amenizado.

São várias as tentativas e propostas de vacinas. A quantidade de pessoas a serem imunizadas é ainda maior. Isso tudo requer um esforço nunca visto na história da humanidade. Para isso, dezenas de setores da sociedade, que têm condições de impactar a retomada da normalidade, precisam se posicionar e liderar os esforços de acesso à vacina.

São várias empresas e profissionais tomando a frente do processo, seja nas fases de desenvolvimento e fabricação, mas tão importante quanto são os esforços empreendidos nos serviços de logística.


Afinal, os milhões de vacinas produzidas não podem chegar à população sem o transporte devido. É aí que entra a importância da cooperação de diferentes setores.

Direitos autorais: reprodução Instagram/@azulinhasaereas.

Nessa intensa necessidade de auxílio, a companhia aérea Azul se dispôs a transportar vacinas de graça para o combate da covid-19 em mais de 100 destinos cobertos pela empresa.

No anúncio postado no Instagram, a Azul diz que coloca à disposição a maior malha aérea doméstica do país para agilizar a retomada das atividades essenciais da sociedade.


Com esse gesto, a companhia ganhou o carinho de vários usuários da rede e inspira outras empresas a tomar medidas similares e de tanto impacto social.

Não é apenas a produção e pesquisa que dão acesso ao imunizante, a parte mais importante, depois de tudo pronto – e estamos perto dessa fase –, é garantir que pessoas nos locais mais remotos recebam suas doses.

Para tanto, é importante criar redes de distribuição, e a ação da Azul coloca um fator de agilidade num processo que, por vias estatais, possam ficar saturadas, afinal, não é todo dia que o Brasil precisa transportar 70 milhões de doses para todos os municípios. E, por mais organizadas que sejam as ações ministeriais, o volume é gigantesco.

Empresas com interesse e responsabilidade social merecem nosso respeito. Tomara que as ações sejam seguidas por mais empresários e qualquer um que possa ajudar.

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.