Notícias

Em ultrassom, bebê aparece fazendo “V de vitória”, e pai com câncer raro interpreta sinal divino

Ele registrou o momento durante o exame, ao acompanhar a ultrassom do primeiro filho.



Felipe Moreira dos Santos, de 32 anos, teve uma linda surpresa ao acompanhar o exame de ultrassom de seu filho.

Com a mãozinha, o pequeno, que está com 6 meses, fez um “ V de vitória” dentro do útero da mãe.

Morador de Guarujá, no litoral de São Paulo, se emocionou e encarou como um sinal divino, já que está enfrentando um câncer raro no baço.


De acordo com informações do G1, há cerca de nove meses, Felipe descobriu um tumor maligno no rim esquerdo e fez cirurgia para retirada do órgão. Antes que entrasse para a cirurgia, disse que pediu a Deus que não o levassem porque seu sonho era ser pai.

Em entrevista, ele contou que um mês após a cirurgia, sua mulher engravidou e o sonho de ser pai começou a se tornar realidade. Ao realizar mais um exame para saber se a doença tinha deixado algum vestígio, um novo tumor foi descoberto, agora alojado no baço. Por causa do diagnóstico, seguiu para Barretos, onde iniciou outro tratamento.

Direitos autorais: arquivo pessoal.

Durante o tempo em que ficou por lá, torcia para que o bebê fosse menino, conforme conta Felipe. Inicialmente, os médicos informaram que se tratava de uma garotinha, mas desconfiados, os pais resolveram fazer novos exames, até que foi constatado que era um menino, da forma como Felipe havia desejado.


Durante as consultas do pré-natal, o pai diz que nunca conseguia acompanhar sua esposa, por causa das sessões de quimioterapia. Sua imunidade ficava muito baixa, então a fraqueza era evidente. No dia do ultrassom revelador, ela insistiu para que ele fosse. Sentindo-se um pouco melhor, a acompanhou.

Direitos autorais: arquivo pessoal/Felipe Moreira dos Santos.

Felipe diz que estar presente no ultrassom já é bastante emocionante, pois consegue observar o bebê e escutar o coração batendo. Mas, além dessa emoção, foram agraciados com uma linda surpresa. O filho Davi fez um sinal de “V de vitória” com uma das mãozinhas.

Até a médica disse que ele estava fazendo o sinal da vitória com a mão. O pai disse que ficou sem acreditar, mas encarou a situação como um sinal divino de que vai conseguir superar o tratamento e vencer a doença, por seu filho. O rapaz emocionado diz que o filho que pediu para Deus veio para superar tudo o que está passando.


O sinal das mãos foi para fechar com chave de ouro, para que ele tenha certeza de que o pai vai vencer. Se Felipe não tivesse ido, não teria visto porque sua esposa não conseguiu gravar. Ele relata que isso fez com que sua fé aumentasse e lhe desse força para vencer o câncer e que com toda certeza, foi um sinal divino, concluiu.

 

Mesmo com Instituto fechado, Neymar sustenta 142 famílias e mantém emprego durante pandemia

Artigo Anterior

Após desejar morte de Paulo Gustavo, pastor alagoano será processado

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.