4min. de leitura

Bióloga brasileira ajudou a salvar a arara-azul da extinção com trabalho incrível!

Há quase 30 anos, Neiva Guedes dedica-se à preservação da arara-azul, e seu trabalho ajudou a tirar a ave da lista de animais ameaçados de extinção.



Neiva Guedes é uma bióloga, pesquisadora e professora sul-mato-grossense que está fazendo história. Há quase 30 anos, ela executa um projeto de sua autoria que ajudou a tirar a arara-azul da lista de animais em extinção.

Mestre em Ciências Florestais e doutora em Zoologia, Neiva é presidente do Instituto Arara Azul, criado em 2003, que promove a conservação da biodiversidade. O instituto desenvolve iniciativas de proteção ambiental, entre eles o Projeto Arara Azul, que existe há 26 anos no Pantanal e mantém as populações viáveis de araras-azuis livres no seu ambiente natural.


O trabalho de Neiva com os psitacídeos, a ordem de aves que reúne mais de 360 espécies, dentre elas as araras, é referência mundial. Tudo começou com um projeto de mestrado, mas o amor da bióloga pelos animais fez com que também se tornasse um projeto de vida, como contou ao jornal O Pantaneiro.

Ao National Geographic, Neiva disse que seu trabalho também envolve a conscientização de pessoas que dividem espaços com essas araras acerca de uma convivência harmoniosa. Também destacou que “é muito bacana a vida do pantaneiro tradicional” junto da natureza, o que ela considera um privilégio.

Também contou que, se tivesse apenas colhido os dados para o mestrado, talvez fosse o fim da arara-azul, mas que o compartilhamento de seus aprendizados com outras pessoas foi muito importante para essa conquista.


A missão de vida de Neiva está ganhando mais visibilidade nacional depois de sua indicação ao prêmio “Faz Diferença”, uma iniciativa do Jornal O Globo em parceria com a Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro, na categoria Sociedade/Ciência e Saúde.

Recentemente, Neiva também recebeu outra homenagem muito especial, ela virou personagem da Turma da Mônica em um card oficial da Maurício de Sousa Produções.

A imagem faz parte do projeto “Donas da Rua da Ciência”, criado pela empresa para manter vivas as histórias de pesquisadoras e cientistas que marcaram a humanidade com seus trabalhos. Bertha Lutz, Marie Curie, Katherine Johnson, Ada Lovelace e Katie Bouman são algumas cientistas já homenageadas pelo projeto.

Ao G1, Neiva disse que se sentiu muito honrada e feliz com o reconhecimento do seu trabalho. O trabalho da pesquisadora é impressionante; preservar a vida da arara-azul é valorizar a natureza e ajudar a construir um mundo melhor para todos.

Neiva merece todo o reconhecimento e respeito por essa missão tão especial e importante.

Compartilhe sua história nas redes sociais!

 

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos. Direitos autorais da imagem de capa: reprodução/Instituto Arara Azul.

Você sabia que O Segredo está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.