Comportamento

Brasileira trabalha limpando túmulos em cemitério para ajudar mãe doente. Não se envergonha do trabalho!

Jaqueline ajuda sua mãe, que tem uma grave hérnia de disco e aguarda há anos uma cirurgia, a limpar os túmulos dos cemitérios.



Existem alguns trabalhos que quase nunca nos perguntamos como são realizados, quem trabalha neles e qual é sua rotina. Chamados de “trabalhos invisíveis”, a maioria dos empregados passam despercebidos pela população, ocupando posições que grande parte das pessoas acredita serem “inferiores”.

Já se perguntou, por exemplo, quem mantém os cemitérios limpos? Obviamente que são pessoas que se ocupam dessa função, já que a maioria dos familiares não tem tempo de ir com regularidade aos cemitérios para limpar os túmulos dos entes queridos.

Jaqueline Alveres, de 25 anos, é uma brasileira cheia de sonhos, que ajuda sua mãe Débora Alves com a limpeza de túmulos em Marília, interior de São Paulo. A jovem sonha em estudar Design Gráfico, mas precisou abandonar seus objetivos pessoais e profissionais para ajudar a mãe, que tem hérnia de disco e aguarda há anos uma cirurgia.


Mesmo assim, Jaqueline decidiu registrar sua rotina limpando sepulturas, e a compartilha em seu perfil do Instagram, quase sempre acompanhada de lindas mensagens para Débora, com muito orgulho da família que tem.

Todos os dias, mãe e filha seguem para limpar o máximo de sepulturas que conseguem, para ganhar mais dinheiro para pagar a cirurgia de hérnia de Débora. A única renda extra da família é de uma pensão que recebem do pai falecido há algum tempo, valor insuficiente para cobrir as despesas da casa.

Direitos autorais: reprodução Instagram/@jaque.alveres2.0.

Débora espera há cinco anos pela operação que pode mudar sua vida, e continua trabalhando, mesmo com as dores, sem saber quando seu sofrimento irá acabar. Há 12 anos, quando já precisava da cirurgia, ela foi colostomizada, o que complica ainda mais sua situação, por isso Jaqueline precisa ajudá-la, não tem outra opção no momento.


Mesmo deixando os sonhos de lado por um momento, a jovem segue esbanjando felicidade e energia em suas redes sociais. A mãe é seu ponto de apoio, sempre a retratando com muito orgulho, sem nunca sentir vergonha do trabalho que exerce, muito menos de sua realidade atual. Mas isso não significa que precise desistir de seus objetivos, eles apenas estão aguardando um pouco mais para serem realizados.

Direitos autorais: reprodução Instagram/@jaque.alveres2.0.

A jovem deseja fazer cursos de informática e design gráfico, para ter uma profissão numa área de que gosta.

Além de ser faxineira de túmulos, Jaqueline também dá várias dicas para os cabelos em seu perfil no Instagram, testa produtos diversos e conta aos inscritos qual sua impressão sobre as marcas, além de produzir conteúdo para o YouTube.


Torcemos para que Débora consiga fazer sua tão necessária cirurgia e que muito em breve a jovem Jaqueline realize todos os seus sonhos profissionais!

Direitos autorais: reprodução Instagram/@jaque.alveres2.0.

Comente abaixo esta história e compartilhe-a nas suas redes sociais.


Menino de 10 anos, que precisava vender meias na estrada para sobreviver, recebe apoio e volta a estudar!

Artigo Anterior

Mãe é acusada de negligência por deixar filha de 4 anos quase morrer por infestação de piolhos

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.