Animais

Cachorro que estava em tratamento foge de lar temporário e percorre 40km para reencontrar família

Jou fugiu de Campos dos Goytacazes e andou até sua casa, em São João da Barra, por cerca de 40 quilômetros, apenas para ficar perto da sua família.



O amor que os animais sentem por seus donos é algo que ultrapassa os limites da compreensão, mostrando que a relação com sua família é algo verdadeiro. Já reparou como os cães estão sempre dispostos a mais um afago?

Sempre nos esperando no portão, simplesmente sentindo a mais pura alegria apenas por reencontrar aqueles que amam. Esse foi, provavelmente, o que motivou Jou, um vira-lata caramelo, a percorrer mais de 40 quilômetros para reencontrar sua família, no interior do Rio de Janeiro.

Tudo aconteceu no início de junho, quando o cãozinho fugiu do seu lar temporário, em Campos dos Goytacazes, e apareceu nove dias depois no distrito de Atafona, em São João da Barra.


Jou percorreu cerca de 40 quilômetros na BR 101 até chegar à sua casa, onde Leda Lysandro, sua dona, o recebeu com muito amor e cheia de saudade, já que ele estava havia nove dias desaparecido. O cachorro estava em Campos dos Goytacazes porque precisava fazer um tratamento veterinário, e a tutora o deixou sob os cuidados de amigos durante o tempo necessário.

Segundo publicação nas redes sociais, Leda explica que Jou foi flagrado por câmeras de segurança quando passou por uma fresta mínima do muro da casa onde estava abrigado e quando as buscas por ele começaram. Os amigos e familiares percorreram o local a pé, de carro e mobilizaram a comunidade para ajudar, mas não tiveram sucesso nos dias que passaram.

Direitos autorais: reprodução Facebook/Leda Lysandro.

A irmã de Leda o avistou em um local, mas não conseguiram alcançá-lo, e nos dias seguintes, amigos também conseguiram vê-lo caminhando pela BR, mas Jou aparentava estar agitado e ninguém conseguiu colocá-lo em segurança.


Muitos se envolveram nas buscas, ONGs de animais entravam em contato com Leda, davam dicas de onde podiam procurar, e ela afirma que ficou muito grata por todo o carinho e atenção que recebeu.

Foram longos nove dias até Jou conseguir chegar a Atafona e, conforme os dias se passavam, Leda foi ficando cada vez mais confiante em que ele conseguiria chegar em casa sozinho. Como os amigos e familiares o avistaram em diversos momentos, ela foi percebendo que o caminho que tinha tomado era justamente o de volta para casa.

Direitos autorais: reprodução Facebook/Leda Lysandro.

Direitos autorais: reprodução Facebook/Leda Lysandro.


Direitos autorais: reprodução Facebook/Leda Lysandro.

No dia 12 de junho, Leda foi acordada com uma mensagem do seu filho, que havia lhe enviado uma fotografia de Jou deitado embaixo do banco, em sua casa, seu local preferido. A tutora fez uma publicação bem emocionada sobre esse momento, ainda sem acreditar que ele havia se guiado apenas pelo amor, querendo reencontrar sua família.

Para ela, o pet é uma lenda e sua história precisa ser contada, principalmente porque lhe ensinou diversas lições. Para finalizar, Leda ainda agradece a todos os que se dispuseram a ajudar, de familiares a moradores de rua, mostrando que a gentileza e o amor são sentimentos capazes de mobilizar as pessoas. A dona está completamente emocionada pela trajetória de Lou, pela história e pelo carinho que sentem um pelo outro.


Estas 5 mulheres são as mais desejáveis do zodíaco. Quando elas chegam, ninguém consegue resistir!

Artigo Anterior

“Ter filhos fragilizou meu casamento”: mãe de 2 afirma que odeia a maternidade, mas que ama as crianças

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.