Animais

Cadela traumatizada por “abandono” passa a dormir em pé para não ser deixada novamente

Essa cadelinha encontrou uma maneira comovente de lidar com um episódio que encarou como abandono. Entenda!



Os nossos cães se acostumam com a rotina à qual são adaptados, às casas onde vivem e às pessoas que estão ao seu lado o tempo todo, e quando passam por alguma mudança em suas rotinas, podem sentir-se afetados.

A cadela Choco e a sua história são uma prova de que esses animais são muito parecidos com filhos, e precisam ser tratados com o máximo de consideração e cuidado da nossa parte.

Segundo contado pelo Kritter Klub, Choco desenvolveu um trauma porque passou apenas um dia longe da sua família. A sua dona, que é bastante amorosa e cuidadosa com a cadelinha, precisou deixá-la por um dia na casa do irmão, sob os seus cuidados.


Muitos de nós também já deixamos nossos animais em outros ambientes, quando não temos ninguém para ficar com eles em casa e, assim como nós, a mulher imaginou que tudo ficaria bem.

No entanto, para Choco, esse foi um episódio bastante difícil. De volta para a casa, Choco trouxe consigo toda a ansiedade e o medo experienciados no tempo em que estava longe da família.

Direitos autorais: reprodução YouTube/Kritter Klub.

A cadelinha não dorme mais deitada e dificilmente descansa. À noite, ela não consegue descansar e, quando é vencida pelo cansaço, acaba adormecendo em pé, como tentativa de evitar ser deixada novamente por aqueles que ama.


Ainda que a família de Choco tenha tido a intenção de fazer a canina sentir-se assim, essas foram as consequências do seu tempo sozinha. A cadela, que nunca tinha tido dificuldade para dormir, agora vive um pesadelo e não consegue se sentir segura dentro da própria casa.

A mãe humana de Choco percebeu o comportamento do animal e ficou preocupada, pois percebia que sua companheira estava passando por muitas dificuldades. Para tentar recuperar a confiança da cadela e ajudá-la a descansar da forma que merece, ela chamou um profissional, que lhe deu dicas importantes de como deixá-la mais à vontade, como colocá-la no chão apoiada em seus braços, para que, pouco a pouco, entenda que aquele local é seguro.

Direitos autorais: reprodução YouTube/Kritter Klub.

Choco certamente terá trabalho para se readaptar, mas por sorte ela conta com pessoas que se importam com ela e estão dispostas a guiá-la a uma vida melhor. Apesar de a realidade dessa cadelinha não ser triste e trágica, como a de muitos animais vítimas de abandono, sua situação mostra o quanto os cães precisam da nossa atenção e dedicação.


“Adotei a criança dos meus sonhos: uma menina com síndrome de Down”

Artigo Anterior

Mãe com lúpus, que capinava terreno sob o sol para sustentar a filha, recebe R$ 50 mil em doações!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.