6min. de leitura

Características das pessoas inconscientes e conscientes:

Vocês já repararam que os 7 principais chakras, isto é, vórtices de energia no corpo humano não passam pelo campo mental? O 6º chackra, que é o do 3º olho, é o da intuição. Isso significa que quanto mais desenvolvida for a sua intuição, maior será a sua conexão com o chakra da coroa, isto é, o 7º chakra, que liga o ser humano com o divino.


O despertar da consciência vem da ativação e desenvolvimento desse chakra, que enxerga além da visão normal e acessa a intuição.

A consciência é algo expansivo, que abrange o todo, mas a partir de si mesmo. E para desenvolver essa expansão é preciso, em primeiro lugar, se abrir para o autoconhecimento. Quanto mais você se conhece, mais você conhece o mundo e consegue ouvir a voz do Universo. Quanto mais você se conhece e conhece o mundo, você reconhece que nele há muita inconsciência e compreende as causas dela.

Uma ação inconsciente normalmente gera reações prejudiciais a outra pessoa ou a um grupo de pessoas em menor ou maior número. Ações conscientes também podem gerar resultados inesperados, mas se o indivíduo está consciente, ele compreende a necessidade de avaliação desse ato como um todo e a necessidade de reconstrução de novas atitudes mais construtivas e positivas dali para frente.

Pessoas inconscientes geram resultados inconscientes, não se importam com eles e não mudam suas perspectivas mentais, quanto mais seu campo de ação. Essas pessoas estão a serviço do mental, isto é, a serviço do ego e não da alma. A alma sempre se movimenta na direção da construtividade, da harmonia entre os seres e da permanência das coisas divinas, belas, criativas, boas e o ego se movimenta no sentido de receber só para si mesmo, em que o indivíduo age de forma infantilizada e destrutiva.


Veja a diferença entre pessoas inconscientes e pessoas conscientes:

Pessoas inconscientes:

– Não se responsabilizam por sua realidade.

– Têm desejos que precisam ser satisfeitos imediatamente.


– Endeusam pessoas que tem como ídolos e compram seus pensamentos sem avaliação temporal, moral, ética ou espiritual.

– Não se preocupam se suas ações verbais ou não verbais vão ter impacto negativo na vida de alguém ou do planeta.

– São infexiveis mental e intelectualmente, não abrindo possibilidades para troca saudável que incorpore novos conhecimentos, experiências ou conceitos;

– Vivem na dualidade entre “isso” ou “aquilo”, tomando partido de pessoas ou situações, sempre excluindo algo ou alguém, convivendo de forma conflituosa e colocando a culpa de tudo nos outros.

– Não se conhecem em profundidade compreendendo seus limites, seus verdadeiros desejos ou missão de vida.

– Conhecem apenas os seus desejos materiais e mentais e sofrem sem saber porque, de onde vem a causa desse sofrimento.

– São hipócritas, isto é, suas ações normalmente não condizem com seus sentimentos e pensamentos.


Pessoas Conscientes:

– Responsabilizam-se por tudo o que acontece na vida delas, inclusive os problemas e frustrações.

– Entendem que para cada ação sempre haverá uma reação e são cuidadosas com o impacto de suas ações no mundo.

– Estão mudando constantemente porque entendem que evoluir é um movimento constante e a realidade delas só muda se elas mudarem.

– Reconhecem suas sombras e tentam lidar com elas.

– Sabem admitir seus erros, não temem pedir perdão (ainda que muitas vezes seja difícil) e conseguem mudar suas atitudes.

– Observam mais e julgam menos, tendo mais aceitação e compaixão pelo caminho evolutivo e a própria inconsciência dos outros.

– Buscam a liberdade e a felicidade a partir de um movimento interior e normalmente estão satisfeitas com suas conquistas pois conhecem suas reais necessidades de alma.

– Gostam de aprender sobre diversos assuntos e estabelecem boas conexões entre eles.

– Não tentam mudar os outros, mas conseguem perceber seus potenciais e limitações, estimulando isso com atitudes encorajadoras e positivas.

A grande divisão que vivemos no planeta se dá apenas por um fator: falta de consciência que vem a partir do domínio do ego. Se você está consciente ou está tentando sair da sua inconsciência para um mergulho mais profundo em seu ser, obrigada!

O planeta e as novas gerações estão precisando muito de você e de uma nova postura individual, mais acolhedora, transformadora e libertadora para que possamos viver intensamente no fluxo do amor!

__________

Direitos autorais da imagem de capa: rolffimages / 123RF Imagens





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.