Notícias

Caráter tem a ver com a forma como você trata as pessoas que não têm nada a te oferecer

gratidao

Caráter tem a ver com a forma como você trata as pessoas. O que vale é a forma como você trata as pessoas, em especial as pessoas de quem você não receberá favores ou trocas.



Vivemos tempos de intolerância generalizada. Eu me assusto toda vez que entro nas redes sociais e leio posts e comentários, tamanha é a carga preconceituosa que permeia os pensamentos de muitos internautas.

Eu achava que a pandemia fosse trazer à tona o melhor do ser humano, mas não. Vi muita gente mostrando sua real face, que é assustadora.

Em nome de valores morais e preceitos religiosos, julgam e condenam comportamentos que não se adequam ao que está estabelecido por aqueles que se sentem os reguladores sociais.


A aceitação do outro, nesse contexto, não existe. Somente se aceita quem está agindo e vivendo de acordo com o que se impõe como correto.

Caso a pessoa não esteja em consonância com o que os donos da verdade ditam, ela não presta, não é boa, não terá salvação.

Há muitos falsos moralistas, que se comportam de forma antiética, na surdina, enquanto apontam o dedo para os gays, os negros, para pobres e desvalidos, discriminando-os, criticando-os, desmerecendo-os como pessoas, cidadãos, seres humanos.

Enquanto se sentam sobre os próprios comportamentos horrorosos, muitos se autointitulam paladinos da moral e dos bons costumes publicamente.


Com medo do que enxergarão ao se olharem no espelho, os hipócritas seguem depreciando quem não se afina com o que querem impor como doutrina única.

E, para que seus discursos ganhem força, os falsos moralistas forjam narrativas com argumentos, na maioria das vezes, religiosos. Eu fico perplexo, porque, para mim, religião é amor, acolhimento, aceitação, tolerância, evolução espiritual.

Religião é o lugar de repouso, leveza, de paz e de entendimento. Não concebo usar a Bíblia para julgar, condenar, menosprezar e discriminar. O meu Deus, apresentado pela minha saudosa mãe, sempre foi do amor. Ter fé, para mim, significa ter um coração terno, tolerante, acolhedor.

Além disso, os intolerantes tentam atrelar aquilo que não aceitam, não aprovam, nem tentam entender, ao caráter da pessoa.


CARÁTER NÃO É SOBRE A CRENÇA RELIGIOSA, A ESCOLARIDADE, A ORIENTAÇÃO SEXUAL, O SOBRENOME. EXISTEM DOUTORES CANALHAS, TEM GENTE FAZENDO MALDADE SEGURANDO A BÍBLIA.

Conhecimento e fé em Deus devem nos tornar pessoas melhores. O que vale é a forma como você trata as pessoas, em especial as pessoas de quem você não receberá favores ou trocas.

Paz.


Mãe causa polêmica ao revelar na web ter feito manteiga com seu próprio leite

Artigo Anterior

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.