6min. de leitura

Carma familiar: como liberar laços energéticos de seus antepassados…

O que é o carma familiar?

Carma familiar é o carma da linhagem ancestral, de seus pais até você. Digamos que seu pai era o mais espiritualmente desenvolvido dentro de sua família e tinha cinco irmãos, ele seria o portador de “bloqueios energéticos” na linha familiar cármica.


Ele carrega esse fardo desde que nasceu e continuará a fazê-lo durante toda a vida, a menos que o libere. É uma passagem de energia através de meios físicos e verbais ou, completamente, energética e subconsciente.

Pode afetar a maneira pela qual você interage com sua família em um nível inconsciente.

Se você se considera sensível e nasceu de dois pais espiritualmente sobrecarregados, pode parecer que está carregando uma carga dupla. Muitos de nós naturalmente não se dão bem com os pais e, às vezes, isso tem a ver com laços energéticos ligados a experiências passadas.


Tudo é, fundamentalmente, energia, portanto, nossa consciência existe além da fisicalidade e nossa compreensão do tempo linear.

Experimentamos a vida antes desta encarnação. Muitas pessoas em sua família são consciências que você conheceu antes desta vida e escolheram juntar-se à Terra. Dependendo do caminho do seu passado, você pode ter escolhido assumir uma vida mais intensa para equilibrar seu carma.

Nós somos a consciência da Fonte projetando-se no 3D para entender melhor a si mesma. Nesta perspectiva, não há bom nem mau, só a existência.


Você e sua mãe podem ter experiências de construção cármicas no passado, uma recusa a aprender uma lição. Tudo precisa se equilibrar, então, se você causou muita destruição em sua vida passada, pode estar no outro extremo durante esta vida.

Os padrões familiares podem ter sido transmitidos desde os antepassados, bisavós, avós e pais, até chegarem a você.

Você, como filho de seus pais, tem o carma de DNA do que foi passado para você. Pode ser incrivelmente leve ou extremamente intenso. É muito específico para cada um de nós.


Traços de que você é o portador do carma familiar:

  • Você é a pessoa mais espiritualmente desenvolvida e a mais consciente entre seus pais e irmãos;
  • Você sempre se sentiu diferente de sua família. Sente uma distância grande de quem eles são e como se comportam;
  • Às vezes, você, inexplicavelmente, adoece e tem a sensação de que está carregando o peso do mundo em seus ombros;
  • Você foi mencionado em assuntos de família estranhos mais de uma vez;
  • Você reconhece os padrões familiares em seus pais e antepassados, e realmente entende o suficiente para mudá-lo.

Então, como você corta todos os laços energéticos?

As pessoas podem não ressoar com a sua parte que é “diferente” e em desacordo com a perspectiva da vida. Liberar os laços com a energia parental significa, antes de mais nada, liberar a energia de sua mente e emoções. Trata-se de procurar dentro de si e descobrir até que ponto você vive pelo conjunto de ilusões de seus pais, baseados no medo e no julgamento.

Uma vez que você é claro sobre isso e é capaz de deixar ir, é livre para perdoá-los e realmente deixar esse estágio. É só depois de cortar os laços no nível interno e assumir a responsabilidade pela sua própria vida que você pode realmente deixar seus pais serem quem são.

Você terá claramente dito “não” aos seus medos e ilusões, mas, ao mesmo tempo, verá que seus pais não são idênticos aos seus medos e ilusões. Eles também são viajantes cósmicos, simplesmente tentando cumprir sua missão espiritual.

Uma vez que você sentir isso, poderá sentir sua inocência e ser capaz de perdoar. Eles fizeram o seu melhor para amá-lo, de forma que puderam. Você pode sentir em seu coração que eles fizeram o seu melhor, mesmo quando o melhor parece terrível – eles fizeram o que sabiam fazer.

Em certo sentido, você foi vítima de seus pais – seus pais podem ter representado a consciência baseada no ego em sua infância. Você viveu temporariamente e em parte de acordo com suas ilusões. De certa forma, você não tinha escolha, como filho.


Como você pode transformar padrões familiares?

É preciso uma introspecção profunda e, às vezes, meditação para chegar ao núcleo de quaisquer problemas recorrentes em sua vida.

Eles são o resultado de padrões comportamentais que, uma vez compreendidos, você pode começar a mudar.

Leva tempo e tudo começa com a escolha: “Quero ser meu próprio mestre, minha própria energia, minha própria alma, minha própria operadora de portadora de carma. Eu sou o meu próprio portador.”

Você é cheio de poder! Um dos primeiros passos é, simplesmente, acreditar nisso.

________

Escrito por Leda De Zwaan para : The Spirit Science

Traduzido pela equipe de O Segredo – Fonte: Mystical Raven





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.