publicidade

Carta de despedida ao meu quase ex-amor!

Existe mais para conhecer e viver, muito mais para você e para mim, mas não agora e não juntos. Seja feliz como eu sou e continuarei a ser.



Caro quase ex-amor!

Hoje eu lhe escrevo para encerrar uma quase história, demorei muito para admitir que teríamos chances, tanto quanto demorei para perceber que não somos o ideal um para o outro.

Apesar de sermos quase perfeitos, opostos que se complementam, logo a atração foi e é quase irresistível, e foi justamente nesse ponto que o impasse se instaurou. Uma vez que ficar juntos seria inevitável e não resistível, como fizemos até agora, por que não deu certo?


Algo que ouvi recentemente martelava a minha mente dizendo: “Se você tem dúvidas, não é a pessoa certa.”

Precisei de um bom tempo para aceitar essa realidade, uma vez que você parecia o par perfeito, com a maioria dos atrativos com que sonhei, ao menos os mais importantes.

Mas sempre tive para comigo que, quando realmente encontrasse o parceiro da minha vida, a cumplicidade seria maior do que qualquer sentimento de insegurança, o que me fez observar o reflexo daquela que fui e que não gostaria de voltar a ser.

Simplesmente eu lhe agradeço por confirmar algo que já existia em meu interior: a certeza de que há muito mais para mim, que eu mereço mais, nós merecemos. Não o culpo e não me culpo, nosso momento existiu e passou, foi lindo como o brilho de uma estrela cadente, iluminamos o céu um do outro por um tempo, tivemos um começo, um meio e um fim.


Neste momento, encerro esse capítulo da vida com a confiança de que há um belo abraço em rota de convergência ao meu, um olhar perfeito que será cúmplice do meu, mãos que irão se entrelaçar precisamente nas minhas e um sorriso radiante que transporá qualquer barreira.

Tentei me enganar durante boa parte da vida, mas cada história frustrada só me motiva mais a ir ao encontro do meu verdadeiro destino.

Finalizo desejando-lhe a mesma certeza que possuo: de que há alguém exatamente na sua medida em algum lugar, cedo ou tarde vocês irão se encontrar, irão rir e agradecer por todos os romances que não deram certo, pois existe mais para conhecer e viver, muito mais para você e para mim, mas não agora e não juntos.

Seja feliz como eu sou e continuarei a ser.

Da sua quase ex-amor.

 

Direitos autorais da imagem de capa: Liam Anderson/Pexels.

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.