Notícias

Casagrande sobre Maurício Souza: “Homofóbico, covarde e mau-caráter”

Design sem nome 2021 10 28T084515.709

O comentarista Walter Casagrande fez duras críticas ao jogador de vôlei Maurício Souza, afastado após publicar comentários homofóbicos em suas redes sociais, durante a edição desta quarta-feira (27/10) do programa Seleção SporTV.



Durante sua fala, Casagrande condenou o comentário do jogador do Minas. O ex-jogador afirmou que Maurício é “covarde, homofóbico e mau-caráter”.

Casagrande ainda relembrou que já havia reprovado uma outra atitude do central do Minas, após o atleta publicar o trecho de uma entrevista do comentarista fora de contexto.

“O Maurício Souza, há uns três meses, recuperou esse vídeo e postou nas redes sociais dele. Ele colocou esse vídeo editado, mentiroso, falso, que o Jair Bolsonaro editou, nas redes sociais dele.


Então, eu não me surpreendo, porque esse cara é homofóbico, é um cara que foi mau caráter comigo. Parabéns a todos os atletas que se posicionaram. Esse cara, Mauricio Souza, é um homofóbico, preconceituoso, possivelmente racista, covarde e mau caráter”, elencou.

Além do comentarista, Maurício ainda foi criticado pelo apresentador do Seleção SporTV, o jornalista André Rizek, que declarou que o novo personagem do Super-Homem “combate fanáticos homofóbicos”. Além da publicação nas redes sociais, Rizek reforçou o comunicado durante o programa ao vivo.

Maurício foi afastado do Minas, clube pelo qual jogava, após fazer um comentário homofóbico sobre o novo personagem dos quadrinhos do Super-Homem, que segundo a DC, se descobrirá bissexual durante a trama. O central foi afastado após um patrocinador da equipe cobrar do time no qual ele joga “medidas cabíveis”.

 


“Julgar é fácil”, entenda porque Zé Vaqueiro deixou a mãe de fora do casamento dele

Artigo Anterior

Comando Vermelho ameaça por fogo em postos de gasolina se preço não baixar

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.