publicidade

Casal desiste de festa de casamento dos sonhos para construir escola em aldeia na África!

Taina e Renato se deram conta de que poderiam usar o dinheiro da festa de casamento para construir escola em uma aldeia de Moçambique.



Assim como para muitas mulheres, casar sempre foi o sonho da cearense Taina Pessoa, e ela queria uma festa dos sonhos, com direito a um farto buffet, decoração sofisticada e muitos convidados. Afinal, qual casal não gostaria de celebrar o momento mais importante da sua trajetória com tamanho luxo e sofisticação?

Pois então, esses eram justamente os planos de Taina e do seu marido, o carioca Renato Marques, mas uma viagem à África mudou toda essa perspectiva para melhor. Eles participaram, durante sete dias, de uma missão humanitária na aldeia Matuba e ficaram impressionados com o cenário de extrema pobreza com o qual se depararam.

Em entrevista ao jornal Diário do Nordeste, Taina, que é gerente comercial, contou que o cenário de pobreza é tão desolador que supera as situações de pobreza com as quais estamos acostumados a nos deparar no Brasil, por exemplo.


Direito autorais: reprodução Instagram/@renatomarques_rj.

Desde o retorno da viagem, o casal não conseguia parar de se preocupar com o contexto que presenciou.

Aquela realidade tão preocupante deu aos noivos outra visão do mundo, e decidiram agir. Segundo Taina, ambos gastariam cerca de R$ 100 mil com o casamento dos sonhos, mas depois de tudo que viram, eles se deram conta de que não podiam gastar dinheiro com algo passageiro, quando há tantas pessoas carentes precisando de ajuda. Foi então que tiveram uma excelente ideia.

Taina e Renato decidiram cancelar a festa, inclusive, a lista de presentes, para aplicar todo o dinheiro que gastariam em uma campanha de arrecadação para construção de uma escola em Matuba.

Na aldeia, há uma única escola, mas com uma estrutura extremamente precária, sem energia elétrica, banheiro ou mobiliário adequado para as crianças estudarem.


Direitos autorais: reprodução Instagram/@tainapessoa1.

A partir da ideia, eles procuraram a organização humanitária Fraternidade sem Fronteiras, que inclusive tem sede em Campo Grande (MS), que organizou a caravana voluntária a Moçambique, e apresentaram a sua proposta.

O projeto foi prontamente aceito pela ONG e o casal então abriu uma vaquinha virtual para arrecadar mais fundos. Tudo isso, claro, depois de avisar todos os convidados sobre o motivo da decisão e orientá-los a também fazer doações em vez de comprar os presentes para a festança. Mas o casal, é claro que não ficaria de mão abanando, enquanto as doações são feitas.

No site da vaquinha, os noivos explicam que a cada real arrecadado na campanha, eles também doarão mais um real.

Confira o vídeo de divulgação.

Pelo site também é possível acessar uma listinha com o valor dos principais itens que serão usados na obra, como tijolos, carteira escolar e latas de tinta. O objetivo é orientar os voluntários sobre qual valor doar.

Clique aqui e confira a campanha de arrecadação.

O casal pretende arrecadar R$ 220 mil. Até o momento, a campanha já arrecadou 92 mil. Otimistas, Taina e Renato contam que a expectativa é construir a escola em até um ano e meio, contando com seis salas de aula, um refeitório, uma área de lazer e um campo de futebol.

Que irá gerir a escola é a própria ONG Fraternidade Sem Fronteiras. Taina deixou claro que não se arrepende de ter aberto mão da festa, pelo contrário, está é muito orgulhosa. Se for para fazer uma festa, ela comenta que gostaria de realizá-la na África, do jeito carinhoso e superdivertido que os moçambicanos comemoram a vida. Já o casamento religioso aconteceu na igreja de São Pedro, na Praia de Iracema.

Ela explica que desistiram de um casamento grandioso por um bem maior, que é a educação, pois só ela nos dá possibilidade de ser diferentes, disse a jovem ao jornal. Que exemplo!

Qual a sua opinião sobre essa atitude do casal?

Responda nos comentários e não se esqueça de compartilhar este exemplo nas suas redes sociais.

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.