Comportamento

Chefe ajuda funcionário de lanchonete a participar da formatura do ensino médio: “Até os clientes apoiaram”

Timothy ia deixar de participar de sua formatura do ensino médio porque não havia conseguido ingressos para seus familiares e não tinha como atravessar a cidade até o evento.



Algumas vezes, a ajuda que temos a oferecer pode parecer pequena, algo incapaz de mudar a vida de uma pessoa, mas a verdade é que o que parece ínfimo para alguns pode ser uma das maiores e mais bonitas coisas do universo para outros.

O jovem de 18 anos, Timothy Harrison, recentemente concluiu o ensino médio, como de costume, havia a festa da formatura, quando ele pegaria seu canudo e guardaria inúmeros momentos desse fim de ciclo em sua memória.

Morador do Alabama, nos Estados Unidos, é muito comum que adolescentes trabalhem desde cedo em algumas empresas que oferecem carga horária flexível e salário razoável. Timothy trabalhava na Waffle House, em Center Point, e chegou a avisar seu chefe que não iria trabalhar no dia seguinte, já que seria sua formatura.


Cedric Hampton, obviamente concordou com a falta do rapaz, principalmente porque esse era um momento muito importante em sua vida. Acontece que, no turno seguinte, todos se surpreenderam quando viram o garoto entrar pela porta normalmente.

O chefe imediatamente lhe perguntou por que ele não iria à formatura, já que o evento estava para acontecer. Timothy explicou que não tinha como atravessar a cidade para chegar ao local onde seria a comemoração, além disso, não havia conseguido ingressos para sua família, porque estava trabalhando no contraturno escolar e não conseguiu completar as atividades dos formandos.

Direitos autorais: reprodução Facebook/Ced Cool Hampton.

Direitos autorais: reprodução Facebook/Ced Cool Hampton.


Direitos autorais: reprodução Facebook/Ced Cool Hampton.

Os funcionários não acreditavam que o jovem ia perder um dos momentos mais importantes de sua vida. Nesse momento,  Cedric e outros resolveram ajudá-lo. Shantana Blevins o levou ao colégiom para que pudesse pegar sua beca, o chefe, junto com Chasadee Brown e Patricia Richardson, foram a uma loja de roupas perto da empresa e compraram calça nova, uma camisa social e uma linda gravata.

Tudo precisava ser feito muito rapidamente, já que eles ainda precisavam atravessar a cidade para chegar a tempo. Nas fotos que Cedric compartilhou em seu perfil do Facebook, é possível ver a felicidade no olhar de Timothy, que se arrumou dentro da loja de Waffles, onde trabalha.

Direitos autorais: reprodução Facebook/Tim BlackBoy.


Todos os colegas participaram do processo, fazendo o que podiam para que o garoto vivesse a experiência de sua formatura. Shantana o levou até o outro lado da cidade, e ele conseguiu se formar na Woodlawn High School.

Em entrevista à WVTM, o jovem conta que existiam muitas pessoas interessadas em seu sucesso naquele momento, e isso o deixou animado de uma forma que não sabe explicar. Assim que colocou as roupas que os colegas compraram, sentiu que estava vestindo o tecido mais caro do mundo, como se valesse um milhão de dólares.

Timothy realizou o sonho de se formar e está pronto para dar o próximo passo: entrar em uma universidade. Tanto seu chefe quanto seus colegas de trabalho acreditam plenamente em sua capacidade, e apostam que ele vai conquistar o mundo!


Depois da morte do pai por leucemia, filha encontra lista de planos em seu celular: “Aproveitem seus pais”

Artigo Anterior

Homem entrega pensão alimentícia com 80 mil moedas de 1 centavo

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.