CiênciaComportamentoO Segredo

Ciência encontrou uma ligação interessante entre ansiedade e inteligência

Pessoas que pensam demais podem ter pouca razão para se preocupar. Estudos recentes têm demonstrado que existe uma ligação entre a ansiedade e inteligência, e de forma positiva.



Cientistas descobriram que as pessoas que se preocupam muito o fazem porque experimentam “altos níveis de atividade espontânea” na parte do cérebro que controla percepção de ameaças.

O medo lhe permite reagir a uma ameaça potencial em tempo útil. Ser muito feliz o tempo todo significa que você não pensa sobre potenciais problemas. É difícil antecipar algo que você não está pensando. Assim, os mega alegres ficam em desvantagem quando precisam superar a adversidade. Isto é especialmente verdadeiro para os problemas raros ou complexos que são difíceis de esperar.

Pessoas com ansiedade às vezes dão resposta a uma ameaça que não existe. Mas a resposta significa que sua imaginação é altamente ativa. Uma imaginação ativa os mantém a salvo das ameaças que outras pessoas podem não sentir.


O estudo foi publicado em Trends in Cognitive Sciences em 2015. É um dos vários estudos para encontrar uma forte ligação entre a ansiedade e inteligência.

Uma mente ansiosa é uma mente focada

A crença geral sobre a ansiedade é que é uma coisa negativa. Porque sofrer de ansiedade não é agradável, a maioria das pessoas que lida com ela gostaria que isso não fosse necessário. Mas isto não é necessariamente verdade. A ciência está mostrando que um pouco de ansiedade, apesar de desconfortável, é uma coisa boa.


Em 2012, psicólogos israelenses realizaram um teste em 80 alunos do Centro Interdisciplinar Herzliya. Os estudantes acreditavam que estavam lá para avaliar obras de arte em um software.

Em vez disso, os pesquisadores fraudaram o programa. Em vez de ver a arte, os alunos dispararam um vírus de computador. Em seguida, foram encorajados a entrar em contato com a parte de TI.

Encontrar TI apresentou novos desafios. Quando os estudantes deixavam a sala, eram abordados por vários obstáculos. Alguns estudantes derrumbaram papeis enquanto caminhavam.

Alguém também parou-os para perguntar coisas.


O teste descobriu que os participantes que realmente queriam encontrar a TI para corrigir o vírus tiveram a maior quantidade de ansiedade.

Os alunos que tiveram menos ansiedade se distraíram. Eles pararam para responder as perguntas, pegar os papéis, etc.

Essencialmente, os estudantes ansiosos tiveram uma maior sensação da ameaça. Assim, eles pararam pouco para realizar seu objetivo. Este é o lugar onde a correlação entre QI vem, porque quando as pessoas ansiosas querem aliviar sua ansiedade, não apenas realizam uma tarefa. Elas querem realizá-la bem.

Assim, a ansiedade pode realmente nos dá maior chance de sucesso!


 

___

Traduzido pela equipe de O Segredo

Fonte: Life Hack


A alma permanece onde se aquece

Artigo Anterior

Deus cuida de nós

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.