AmorPessoas inspiradoras

Com 29 anos, essa mulher está terminando sua vida de uma forma extremamente corajosa; e nos deixa uma valiosa lição

timthumb 22

Recém-casada e com 29 anos, Brittany Maynard achava que ainda teria uma vida inteira pela frente. Até que foi diagnosticada com astrocitoma de grau 2, um tipo de câncer cerebral gravíssimo que daria a ela apenas 10 anos de vida. Mas logo depois foi descoberto que ela tinha glioblastoma multiforme (GBM), o tipo de tumor mais letal e agressivo que existe, tendo seu tempo de vida reduzido a aproximadamente 6 meses.



Além do curto tempo para viver, também foi dito que os últimos meses seriam extremamente dolorosos. Foi aí que Brittany e seu marido tomaram a decisão de se mudar para Oregon, um dos 5 estados que permitem o suicídio assistido por médico, para que ela decidisse sobre o seu próprio falecimento.

No dia 1º de novembro, Brittany morrerá em paz, cercada por seus amigos e familiares, e esta é sua história:

Em janeiro de 2014, depois de sofrer com dores de cabeça fortíssimas por anos, Brittany Maynard descobriu que estava com câncer cerebral e que tinha 6 meses para viver.


“Quando fui diagnosticada, eu me meu marido estávamos tentando começar uma família… o que foi devastador para nós dois.”

brittany-cancer-cerebral-2

“Quando você tem 29 anos e dizem que você tem tão pouco tempo para viver, é como se dissessem que você vai morrer amanhã…”

brittany-cancer-cerebral-1


E quando o diagnóstico mudou de 10 anos para apenas 6 meses, foi um choque terrível para ela e para sua família.

“Meus pais apenas passaram um bom tempo procurando por um milagre…”

Sua mãe disse que torceu por muitas coisas, entre elas, que os exames estivessem errados.

“Seu cérebro fará coisas bem estranhas quando você não quer realmente acreditar em algo. Você aparecerá com vários contos de fadas.”


brittany-cancer-cerebral-3

Brittany decidiu se mudar para Oregon, para ter acesso à lei da morte com dignidade. Onde seu caso foi aceito e ela recebeu uma prescrição para um medicamento que encerraria sua vida de forma pacífica e indolor.

“Eu não acordo e olho para ele todos os dias, mas sei que está num local seguro e que estará lá para quando eu precisar.”

brittany-cancer-cerebral-4


“Planejo estar cercada pelos meus familiares mais próximos, como minha mãe, meu marido, padrasto e minha melhor amiga. E eu morrerei lá em cima, na minha cama que compartilhei com meu marido… Em paz, com a música que gosto.”

brittany-cancer-cerebral-5

“Entre sofrer ou decidir quando é o bastante, traz um alívio e conforto, pois aquela opção está ali para que ela decida quando está na hora”, disse seu marido.

brittany-cancer-cerebral-6


Brittany decidiu dar prioridade em passar o tempo com as pessoas que ama e viajando pelo mundo.

“Antes de morrer, eu espero poder ir ao Grand Canyon, pois nunca fui lá. E isso é tudo o que posso fazer, definir pequenos objetivos para que tudo ocorra bem…”

brittany-cancer-cerebral-7

“Espero aproveitar os dias que me restam nessa bela Terra, cercada pelas pessoas que amo. Espero morrer em paz. A razão para considerar a vida e o que existe de valor é se certificar de que você não está perdendo nada…”


brittany-cancer-cerebral-8

Assista ao vídeo:

“Aproveite o dia. O que é importante para você, o que lhe interessa, o que vale a pena – esqueça o resto”


– Sábias palavras de uma corajosa mulher.

 
Fonte: Refinery29


20 dos lugares mais inesperados e secretos para guardar coisas em casa

Artigo Anterior

Felino se transforma em “gato-guia” para cão cego e parcialmente surdo

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.