Pessoas inspiradoras

Com mãe desempregada, menino de 10 anos vende brinquedos na rua para ajudar a cuidar de irmã deficiente

Ao ver a família com dificuldades, o menino fez o que podia para ajudar. Sua atitude comoveu a muitos. Confira!



A realidade no nosso país, nos últimos tempos, não tem sido nada fácil. Além da luta diária para manter a saúde sempre em dia, também estamos lidando com a crise financeira, que tem colocado muitas famílias em uma situação de fragilidade muito grande.

Nem todos tiveram a sorte de manter os seus empregos ou os próprios negócios, e têm visto as dificuldades batendo à porta todos os dias, enquanto se esforçam para permanecer firmes e esperançosos, encontrando maneiras de prover o sustento de suas famílias.

Diversos pais e mães perderam sua única renda da noite para o dia e, mesmo com seu esforço diário, ainda não conseguiram se reerguer, e passam por necessidades que são percebidas também pelas crianças.


O carioca Isaías, que recentemente completou 10 anos, faz parte de uma das muitas famílias brasileiras que têm precisado recomeçar nos últimos tempos, e acompanha de perto os obstáculos que sua mãe Renata Vallentina precisa enfrentar todos os dias.

Renata está desempregada e precisa encontrar uma maneira de cuidar não apenas de Isaías, mas também de sua outra filha, que tem uma deficiência e no momento está hospitalizada.

Direitos autorais: reprodução Facebook/Renata Vallentina Nascimento.

Como todas as mães e pais sabem, já é desafiador atender a todas as necessidades dos filhos com um emprego, sem ele fica ainda mais complicado, especialmente quando uma de nossas crianças precisa de mais atenção.


Isaías tem testemunhado de perto essa situação e, com toda a sua inocência de criança, teve uma ideia para ajudar em casa e apoiar a família na travessia desse momento difícil.

O menino improvisou uma “banquinha” e começou a vender os próprios brinquedos usados para ter uma “graninha extra”. Entre os itens estavam ursinhos, que custavam R$ 10, brinquedos de plástico (R$ 2) e até mesmo uma  bolinha de futebol americano e um cabo de carregador (R$ 5 cada um).

Um homem que passou pela vendinha de Isaías se encantou com seu gesto e gravou um vídeo mostrando o “comércio” do menino. Ele o parabenizou, incentivou e deu-lhe uma ajuda de R$ 10.

O vídeo foi publicado na página “Penha da depressão”, no Facebook, e rapidamente alcançou grande número de pessoas, sendo reproduzido mais de 12 mil vezes.


Com a repercussão e a mobilização das pessoas para ajudar a família, Renata falou com a página, dizendo que se tratava de uma atitude inocente de Isaías, e agradeceu a todos que os estavam ajudando, dizendo que não queria dinheiro, mas sim itens pessoais para a filha internada, como fralda geriátrica, leite em pó, lenço umedecido e pomadas.

Isaías se mostrou um menino de muito bom caráter e iniciativa, pronto para ajudar a família no que for preciso, sem nenhuma vergonha. Com certeza, ele será um grande homem! Aplausos para sua incrível iniciativa!

Cão é abandonado com todos os seus pertences e ex-dono diz: “Não tenho tempo para ele”

Artigo Anterior

Pai cria filha sozinho, depois de mãe com depressão pós-parto abandoná-los. “Vamos nos manter firmes”

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.