Comece seu 2018 de “sucesso já” com estes 2 exercícios infalíveis!



Comece SEU 2018 DE SUCESSO já, mesmo que você tenha traçado um planejamento nos anos anteriores e não tenha conseguido concretizar. Fique comigo que tenho uma excelente notícia: você vai começar AGORA essa conquista e, antes do final de 2017, vamos comemorar juntos/as seu cérebro novo!

É um pouquinho extensa esta reflexão, mas o que são dez, ou quinze minutos para você realmente fazer diferente este ano ainda?

Tudo o que construímos começa hoje. Se deixamos para amanhã, estamos construindo procrastinação, a famosa “empurradinha com a barriga”.

Já fez isso? Já empurrou com a barriga algo na sua vida?

Vamos lá! Vou mudar suas crenças em relação ao planejamento realizado no final de cada ano, para o ano seguinte e dar a você o caminho certo para fazer diferente, a partir de agora.

Veja com atenção este vídeo:

Esse exercício que falei no final é transformador!

A autoconfiança, a valorização da nossa história, principalmente das nossas conquistas faz uma diferença enorme na liberação do nosso quarteto fantástico: dopamina, ocitocina, serotonina e endorfina. E, nosso quarteto fantástico faz uma diferença enorme na concretização de metas e na continuidade de um planejamento.

Começando agora, não só o planejamento, mas as atitudes, já garantimos uma grande parte do sucesso de nossa mudança e da certeza da conquista de resultados bem diferentes dos anos anteriores.

Vamos então ao passo a passo:

– Primeiro analise as diversas áreas de sua vida: profissional (emprego, estudo, carreira), socioafetiva (amigos, família, relações de trabalho, relações afetivas, namoro, casamento, lazer…), saúde (física, mental, emocional), espiritual (fé, religião…), econômica. Faça uma lista do que você faz e como está se sentindo em cada situação.

– Avalie o que vai continuar fazendo da mesma forma, que aspectos quer fazer diferente e o que quer colocar de novo nos próximos meses. De preferência coloque prazos e como vai fazer para concretizar cada plano. Usar cores diferentes para marcar esta etapa ajuda muito o cérebro!

– Agora coloque estas duas crenças como verdades absolutas em sua vida para acabar com desculpas e autossabotadores em geral:  aprenda a fazer o que dá e não espere pelo ideal, pois assim você diminui o risco de achar sempre desculpas e depois melhora o que fez; coloque o EU CONSIGO como amigo de todas as horas de sua vida. Já faremos em seguida um outro exercício poderoso para você eliminar o eu não consigo de sua vida.

Eu não consigo é uma crença que cresce em nosso cérebro negativo, pois ele cultiva baixa autoestima, sensação de impotência e pessimismo, limita-nos, tira-nos a vitalidade. Nosso cérebro negativo cria imagens mentais falsas, tais como: eu não nasci para essas coisas, não tenho sorte, acho que não vou conseguir, sou discriminado e outras desculpas que usamos.

Vamos acabar com o “eu não consigo”!

Amo esta história verdadeira que aconteceu numa escola primária do estado de Michigan, nos Estados Unidos com um Consultor motivacional. Ele observou que todos os alunos de uma sala estavam trabalhando numa tarefa, preenchendo uma folha de caderno com “não consigos”. E a professora também estava fazendo a lista dela.

Ele observou que as listas eram enormes, algumas enchiam duas páginas.



Depois de algum tempo os alunos foram instruídos a dobrar as folhas ao meio e colocá-las numa caixa de sapatos vazia, que estava sobre a mesa da professora. Quando todos os alunos haviam colocado as folhas na caixa, Donna, a professora, acrescentou as suas, tampou a caixa, colocou-a embaixo do braço e saiu pela porta do corredor com todos os alunos.

Ele observou que a professora guiou a turma, carregando uma pá, até o canto mais distante do playground. Ali começaram a cavar para enterrar seus “não consigo”! Quando a escavação terminou, a caixa de “não consigos” foi depositada no fundo e rapidamente coberta com terra.

Trinta e uma crianças de dez e onze anos permaneceram de pé, em torno da sepultura recém cavada, onde Donna, proferiu louvores. “Amigos, estamos hoje aqui reunidos para honrar a memória do “não consigo”. Enquanto esteve conosco aqui na Terra, ele tocou as vidas de todos nós, de alguns, mais do que de outros. Seu nome, infelizmente, foi mencionado em cada instituição pública – escolas, prefeituras, assembleias legislativas e até mesmo na Casa Branca. Providenciamos um local para o seu descanso final e uma lápide que contém seu epitáfio. Ele vive na memória de seus irmãos e irmãs “eu consigo”, “eu vou” e “eu vou imediatamente”.

Que “não consigo” possa descansar em paz e que todos os presentes possam retomar suas vidas e ir em frente na sua ausência. Amém.”

Ao escutar as orações ele entendeu que aqueles alunos jamais esqueceriam a lição. A atividade era simbólica: uma metáfora da vida. O “não consigo” estava enterrado para sempre.

Logo após, a sábia professora encaminhou os alunos de volta à classe e promoveu uma festa. Como parte da celebração, Donna recortou uma grande lápide de papelão e escreveu as palavras “não consigo” no topo, “descanse em paz” no centro, e a data embaixo. A lápide de papel ficou pendurada na sala de aula de Donna durante o resto do ano. Nas raras ocasiões em que um aluno se esquecia e dizia “não consigo”, Donna simplesmente apontava o cartaz descanse em paz. O aluno então se lembrava que “não consigo” estava morto e reformulava a frase.

O exercício realizado por esta sábia professora nada mais é do que um exercício terapêutico que convido você a fazer, pois já ajudou milhares e milhares de pessoas.

Vamos lá! Liste tudo o que acredita que não consegue. Desde coisas que considere bobagens, até as que você julgue mais sérias. Após a lista pronta, leia-a toda, dobre-a e coloque numa caixa. Depois, cave um buraco na terra, em algum local que você sinta que é adequado para fazer o ritual e enterre seus “não consigo”. Não se esqueça de colocar algo sinalizando a “lápide do não consigo”.

Procure fazer um ritual que fique registrado como um momento bem importante na sua vida, um momento sério, que lembre o objetivo de transformação a que está se propondo AGORA.

Sempre que se perceber impotente frente a algo, que estiver com sentimentos negativos de limitação retome a lembrança do enterro do não consigo e procure partir de imediato para a solução desta situação ou problema.

Tire sempre o foco do que está trazendo pensamentos, ou sentimentos negativos, desenvolvendo alguma atividade diferente, de que goste, procurando distrair-se e desconectar dessa situação, pois não podemos esquecer que os “pensamentos negativos” podem nos distanciar de melhorar nossa condição emocional e, consequentemente, nos distanciar dos nossos desejos, de nossas metas, de nossas programações.

Desejo-lhe um início agora cheio de energia!

Carinhoso abraço!

Isabel

_____________

Direitos autorais da imagem de capa: rb91u / 123RF Imagens






Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.