11min. de leitura

Como cocriar o relacionamento dos seus sonhos…

Para vivenciar o amor recíproco, um relacionamento genuíno, você terá que passar por algumas provações, bem como tudo em nossas vidas. É uma espécie de processo de aprendizagem para o encontro consigo e com o outro, que a partir de então, tornam-se um em dois e muitos em um.



Quando você for capaz de ser um indivíduo através da imensidão de seu coração, trará o despertar de si para conectar-se com o entrelaçar de um amor à sua altura.

Ser o feminil de dois corações é o imenso transbordar do autoconhecimento. Quando nos doamos ao outro e o ensinamos a se doar, sem preocupar-se com os pré-requisitos, promove-se um encontro em um mesmo coração, guiado pela parte feminina que o ensina como é o caminhar da entrega. A mulher é capaz de acolher todas as verdades do mundo e traduzi-las em silêncio, porque toda razão do homem se dissolve quando há amor. Quando há verdade transbordando no coração da mulher, há possibilidade, há equilíbrio, transcendência; assim é o âmago feminino.

O homem que a encontrar, terá alegria, sobrevivência, empolgação, capacidade; esta é a mulher, ela se entrega em tudo que a fizer ser melhor, corrige seus mais intrigáveis momentos e se posiciona como uma grande garça, dona de si, dona de sua natureza esquisita.


Muitas de nós buscamos o grande momento exteriormente, quando, na verdade, o momento está dentro de nós. Somos o controle da verdade sob a imensidão da palavra amar, viver e relatar isso por onde ‘pousamos’ é sinal de amadurecimento.

Nossa vibração máxima vinda do coração é capaz de coordenar mundos e guerras, poderosa força que nos retira da razão e mostra que ser amor é uma escolha entre todas as opções de ego existentes neste mundo.

A mulher que se entrega e se engana com o outro, engana-se quando quer. Sabemos das limitações do homem, o indivíduo que não está interessado em nosso íntimo é entregue pela nossa intuição. Queremos aprender sobre o universo masculino e então, nós nos permitimos entendê-los, mas, devido a nossa ingenuidade amável, nós nos magoamos, decepcionamos e vivenciamos a tristeza e o abandono. No fundo, precisamos ir ao encontro desse descompasso, porque é quando nos reerguemos olhando ao ponto que nos interessa, o desabrochar após o descontentamento. Somos o ensinar do que é amor, a linha reta até a chegada.

Para vivenciar o amor recíproco, terá que passar por algumas provações, bem como tudo em nossas vidas. É uma espécie de processo aprendizagem para o encontro consigo e com o outro, que a partir de então se tornarão um em dois e muitos em um.


Quando quiseres entender e compreender ao outro, terá que abdicar de muitas razões, lesões do tempo e acima de tudo terás que estar preparado para invadi-los de outras muitas concepções. Quando o outro invade sua vida você o deixa ser tocado, um alguém pode lhe dizer o quanto você precisa melhorar, no que podes estar errando e então, lhe transmite o calor de um lado que sempre gritou estar certo. Tudo agora é opinado pelo outro, sua vida já diz mais respeito ao que lhe invade do que a si mesmo e para isso é necessário que você faça a ordenação do que é, mude alguns meios de agir e transmita compreensão a tudo que acontece.

Alguns de nós já encontramos um bom relacionamento, uma grande companhia, mas para isso é importante lembrar que estes de nós se permitem fazer muitas modificações internas para encantar-se.

Sabemos que, amar a si mesmo é o alvo mais importante para as possibilidades acontecerem, esta é a primeira definição do que é estar pronto e em busca da evolução no amor, da nossa evolução interior. Para entrares na vida de um grande ser, tens que estar em conexão com sua grandeza interna, dedicando-se a si mesmo e elaborando grandes feitos em sua vida.

Se pensas que é feia (o), está acima do peso, ser cheio de defeitos, é possível que você esteja longe de encontrá-lo, porque o amor não tem definições, ele não quer ser uma simples casca que se quebra quando se expõe. O amor espera mais.

“Se eu deixar as pessoas realmente me conhecerem, elas não vão gostar de mim.”

Quando você desconhece sua essência, limita-se entre as crenças que norteiam sua mente e passa a desencontrar-se com o amor. Este encontro é o acaso perfeito, por isso, você precisa estar sempre de olho no que pensa e como age consigo.

“Eu não posso ser feliz até que ele/ela mude”

Você não pode depositar todas as certezas no outro que divide o mundo com o seu. Somos corpos emprestados à nossa alma e ela é livre.

 “Eu nunca vou realmente mudar.” 

Quando for capaz de entender a completude de sua capacidade, nada e ninguém fará você se sentir coagido. Você é o grande inventor de sua felicidade.

“Se eu seguir meus próprios interesses, os meus relacionamentos vão sofrer .” 

O amor está interessado em aprender, ele divide e soma suas certezas, define o que já existe dentro dele e passa a ser compreendido pelo outro disposto a entendê-lo.

“Eu preciso fazer os outros felizes, então eu não serei rejeitada.” 

O amor não cobra o que ele presenteia, ele é tão seguro de sua força que apenas espera, porque o outro é quem vai querer devolver mais do mesmo que ele receber.

Muitas coisas se apresentam ao amar, não é somente o clarão da luz que vemos no grandioso túnel, porque o amor é infinito e imensurável. Ele quer que estejamos prontos para o confronto, é assim que ele se fortifica na presença de nós mesmos. É quando largamos nosso tapete da vida e botamos para tomar um sol, bagunçamos a casa e arrumamos novamente, isto é o sentido do balançar das ondas de amor, que ensina e torna resistente o nosso interior.

O amor é um caminho cheio de intervalos e reflexões, mas é esclarecedor e enobrece porque guia e acalma o homem em seu interior. É como viver em uma outra extensão, é olhar para dentro e para fora e identificar sinais diferentes de importância no mundo, as dualidades e os pontos existentes a partir de tudo que completa este Universo.

O amor é calmante, é o bater de ondas fortes, a entrega que o sol permite a lua quando se põe, o amor é o vento leve, o cantar alvoroçado dos pássaros, a imensidão do céu, é o brilhar das estrelas cadentes, que caem e se transformam em um clarão de luz.

Amar é dor, dar-se, dizer, calar, fazer-se muitos em um e todos em dois. O amor é. 

“Sinto que amo a mim mesmo, do jeito que sou, com as qualidades e defeitos que tenho.” 

Quando seu eu entende que a preparação é dentro de você, a felicidade pode estar batendo à porta, entregando o que você está esperando receber.

“Sou uma pessoa disposta a dividir minhas fraquezas, melhorar meu ser e alegrar-me com a evolução do outro.” 

Nessa vida o mais importante não é estar ao lado de quem quer ser o melhor em tudo, mas sim aquele que busca melhorar todos os dias. Esta é a fórmula para vivenciar ao lado de uma pessoa incrível a jornada da vida.

“Estou sempre pronto a escutar e ajudar.” 

Assim você será capaz de ensinar perfeitamente o que é a entrega, o dom que o amor exerce. Ele não se preocupa com o que ele mesmo pensa, apenas se abre para o outro e faz de suas palavras uma oração para quem o escuta.

 “Sou feliz na espera de um amor verdadeiro.” 

Quando você passa a não mentir para si mesmo e espera com paciência, seu coração se acalma e entende ser o momento certo para te apresentar o amor.

“Vou encontrar alguém perfeito.” 

Não há perfeição no encontro, tudo continua, nada se interrompe. A perfeição é um engano passageiro, o perfeito é romper-se com as suas limitações e abrir-se inteiramente ao novo.

“Eu me amo como sou e encontrarei alguém que me amará assim.” 

O outro percebe seu amor-próprio. O amor é tanto que nele desperta a curiosidade, ocorre à entrega e supera os receios.

“Terei paciência e discernimento para amar e ser amado.” 

A verdade dita por você não é a mesma que o outro vê. Permita-se viver de forma leve e tranquila compreendendo o instante em que se encontra.

“Quando o amor chegar, serei grato, pois separei muito de mim para dividir com ele.”

A virtude da vida está em alimentar-se de tudo que é belo, as coisas podem estar em lugares que você não queira, mas você está onde deveria. Dividir tudo que se tem é o mesmo que dizer ao amor; estou pronto.

Assista ao vídeo que é uma complementação sobre relacionamentos nesta aula, “O Campo Eletromagnético do Coração e Relacionamentos”.

Um beijo de luz!


Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: wavebreakmediamicro / 123RF Imagens

Você sabia que O Segredo está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.