3min. de leitura

Como conseguir ser mulher, se só me enxergo como mãe?

O aumento das exigências nos tempos atuais leva muitas mulheres a se abandonarem em nome dos filhos, perderem a vaidade e o gosto pela vida.


E elas se questionam: “Como conseguir ser mulher se só me enxergo como mãe?”. “Será possível conciliar maternidade, carreira e realização pessoal?”

Veja, então, o que fazer para harmonizar os papéis que você exerce na vida:

1. Valorize-se mais! Cuide da sua aparência e de sua saúde, da vida amorosa e da profissional com o mesmo carinho que você dedica aos seus filhos. Eles serão os maiores beneficiados por conviver com alguém de bem com a vida.


2. Muito cuidado com a postura de viver neuroticamente em função dos filhos. Anos mais tarde você irá entender que seus filhos são do mundo, não seus!



3. Não confunda amor aos filhos com apego. Quando você se anula como mulher em nome dos filhos, você coloca nos ombros deles uma carga muito grande de responsabilidade. E o resultado aparece na forma de crianças, jovens e adultos ansiosos, ou rebeldes, ou inconsequentes.


4. Seus filhos sempre vão precisar do seu amor e carinho, mas precisam também de exemplos de amor-próprio e autorrespeito.


5. Jogue fora a culpa que é a culpada por essa anulação da mulher exuberante e animada que mora dentro de você. Pare de cobrar perfeição de si mesma e aceite que você é um ser humano e, como tal, ainda vai errar muito nessa trajetória de crescimento.



6. Permita-se cuidar de você mesma – mude seu visual, faça exercícios físicos, aprenda a dançar, inscreva-se em um curso interessante, vá ao cinema, conheça outras pessoas. Quanto mais leve por dentro você se sentir, mais capacitada estará para influenciar positivamente seus filhos.


7. Portanto, jamais admita que o seu SER-MÃE sufoque a linda mulher que você é. Com uma postura de autoconfiança e equilíbrio em seus papéis diante da vida, você vai descobrir que para ser uma mãe mais feliz e bem-humorada é preciso se liberar para ser, também, mulher, esposa, companheira, profissional, estudante, filha, irmã, e muito mais, sem cobranças desnecessárias.


Direitos autorais da imagem de capa: bruce mars from Pexels





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.