ProsperidadeColunistas

Como direcionar a sua mente para a prosperidade:

Como direcionar a sua mente para a prosperidade

Por que há pessoas com inúmeros diplomas e conhecimentos valiosíssimos que não prosperam? E por que há pessoas sem nenhum comprovante de qualificação que alcançam um enorme sucesso?



Apesar do nome sugestivo, Os segredos da mente milionária não é um livro sobre “como ficar rico”. É um conteúdo valioso sobre como ter uma mente bem direcionada para obter satisfação e equilíbrio na vida financeira. É sobre vencer crenças limitantes que te impedem de ter paz e tranquilidade nessa área da vida.

Dinheiro é um assunto sobre o qual muitas pessoas têm muitas crenças e ideias negativas, e esse livro pode ser aquilo que falta para muita gente acabar com os bloqueios que tem sobre o tema. Recomendo a leitura para todos, não só para quem tem problemas financeiros, mas para qualquer pessoa que quer que seu dinheiro trabalhe junto com a sua felicidade.

Os segredos da mente milionária fala sobre como mudar os seus hábitos mentais sobre dinheiro para permitir que suas ações fluam e seus objetivos sejam alcançados. Primeiro, ele vai te ajudar a entender quais são os bloqueios que você tem em relação a dinheiro, e depois vai mostrar como você pode mudar sua forma de pensar para que tenha a vida financeira que deseja.


Esse livro mexeu bastante com as minhas crenças, eu senti que realmente mudei a minha forma de pensar após a leitura e coisas boas começaram a acontecer. Alguns dos aprendizados que mais me marcaram foram:

A felicidade que o dinheiro vai te trazer depende da sua motivação para tê-lo

Se a sua motivação para ganhar dinheiro for um sentimento negativo (raiva, medo, necessidade de provar algo a alguém, carência), o dinheiro não vai te trazer felicidade. Simplesmente porque dinheiro não é a solução para esses sentimentos!

Já se você almeja ter mais dinheiro para melhorar sua qualidade de vida, realizar sonhos e ter acesso a coisas boas, o dinheiro te trará alegrias. Porque essas coisas ele pode te fornecer.


A intenção que você deve colocar para o dinheiro tem que estar ligada àquilo que ele pode te fornecer. Coisas que o dinheiro não compra (amor, carinho, paz interior, autoconfiança), você deve parar de culpar o dinheiro por não tê-las e começar a procurar no lugar certo: dentro de você.


Todo o conhecimento e qualificação do mundo não salvam uma mente mal direcionada

Por que há pessoas com inúmeros diplomas e conhecimentos valiosíssimos que não prosperam? E por que há pessoas sem nenhum comprovante de qualificação que alcançam um enorme sucesso?


Porque existem dois tipos de programação mental: a que acredita no sucesso e a que acredita no fracasso. A sua programação mental é o que direciona todas as suas ações e comportamentos. E são as suas ações e comportamentos que constroem o seu caminho.

É importante sim estudar e obter qualificação, pois isso vai te dar confiança e habilidades. Mas tão importante quanto isso é manter a sua mente direcionada para aquilo que você quer.


O dinheiro que você tem hoje equivale ao que sempre esperou ter


Se no passado tudo o que você acreditava era que poderia “ter um pouco de conforto e dinheiro para pagar as contas” ou “ter um carrinho básico e um teto”, posso apostar que é exatamente isso que você tem hoje, nem um centavo a mais.

É claro que todo mundo já desejou uma vez ou outra ter muito dinheiro, mas veja se o que tem hoje não é exatamente o que alguns anos atrás você dizia e acreditava que poderia ter.

Tem uma frase do Jober Chaves que diz: “Se você olhar com atenção para sua vida hoje, perceberá que ela está do jeito que você sempre falou por aí que ela seria”.

Faz sentido pra você? Pra mim faz, totalmente. E se é assim que funciona, podemos começar a mudar hoje o que acreditamos para obtermos um novo resultado. Comece a pensar grande.



É importante saber o que você aprendeu sobre dinheiro na sua infância

O livro explica que, muito provavelmente, a forma como você vê o dinheiro é igual à forma como seu pai ou sua mãe o viam (ou uma mistura da visão dos dois). E que os episódios que vivenciou na infância que envolviam dinheiro de alguma forma moldaram a forma como você enxerga o dinheiro até hoje.

Pare um pouco e pense sobre isso. Fez tanto sentido pra mim, que talvez tenha sido o maior aprendizado que eu absorvi desse livro.


Quando você conseguir ligar a forma como lida hoje com dinheiro à maneira como ele lhe foi apresentado na sua infância, vai finalmente entender que pode se libertar de vários condicionamentos e se permitir enxergar e agir de novas formas.


Não gostar de autopromoção é um dos maiores obstáculos para o sucesso

Essa me pegou. Uma vez um ex-chefe falou para mim que eu deveria mostrar mais as coisas boas que faço, exaltar mais as minhas conquistas. Mas e a vergonha que eu sentia só de pensar em falar em voz alta algo bom sobre mim? Por que alguém ia querer ouvir isso? O que os outros iam pensar?


Mas a questão é: se você não “vender o seu peixe”, ninguém fará isso no seu lugar. E o mundo não vai te procurar se não souber que você existe.

Se você acredita no seu valor e quer oferecer o seu melhor para o mundo, fale! Mostre! Ofereça! Já parou para pensar que você pode estar escondendo algo muito bom de alguém que precisa exatamente do que você tem a dar?

Essas são só algumas das dicas incríveis que Os segredos da mente milionária dá sobre sucesso financeiro.

Além de muitos insights e informações para quebrar crenças limitantes, em todos os capítulos o autor ensina exercícios e afirmações para potencializar o autoconhecimento e a mudança de mentalidade. Vale a leitura.


___________

Direitos autorais da imagem de capa: tuk69tuk / 123RF Imagens

Acima de tudo, ame-se!

Artigo Anterior

Estar sozinho é aprender sobre si mesmo…

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.