Como lidar com o seu mau humor sem encher a paciência das pessoas



Muitas pessoas não sabem lidar com o mau humor. Ele é algo “normal”, acontece com todo mundo. O que diferencia isso em cada ser é a forma como ele lida com este fato desagradável.

Há anos trabalho com o público e vejo pessoas lidando com isso da pior forma possível: descontando nas outras pessoas. Gente que tem um péssimo dia de trabalho e destrata o garçom ou os filhos; gente que briga com o cônjuge e desconta na vendedora da loja ou na mãe; gente que tem um problema no banco e desconta na manicure. E por aí vai.

Minha primeira dica é: o garçom, a babá ou quem quer que seja não têm nada a ver com seus problemas! Eles estão ali para atendê-lo, da melhor maneira que podem. Então, pare de descontar nos outros as suas frustrações!

Se você ainda não sabe fazer isso, eu lhe darei 3 dicas de ouro:

1. Autoconhecimento é a dica mais importante. Se você se conhece bem, você sabe como lidar com suas variações de humor também. Se você, por exemplo, sabe que não está em um “bom dia”, vai cuidar melhor do que fala ou cala, evitando maiores problemas.

2. Assuma a responsabilidade sobre a sua vida. Responsabilidade não é culpa, é poder. Se você entende que é responsável por tudo de bom ou ruim que acontece, sua visão sobre a vida muda e os fatos externos influenciarão muito menos no seu humor.



3. Empatia é a chave. Se você entende que o outro sente, sofre, ama como você, não vai fazer ao outro o que não gostaria que fizessem com você.

E, como chegar a este patamar de discernimento? Terapia, meditação, ioga, espiritualidade ou tudo isso junto, assim como eu fiz.

Enquanto isso, seguem algumas coisas que você pode fazer para colocar essa péssima energia para fora sem envolver outras pessoas no processo:

  • caminhada ou corrida;
  • assista filmes de comédia;
  • livros de autoconhecimento;
  • abdominais;
  • ouvir música alegre e dançar;
  • beber chás como de camomila e erva doce;
  • mexer no seu jardim ou horta;
  • nadar;
  • exercícios respiratórios;
  • fazer comida (de preferência massas, biscoitos e outros).

Faça coisas que gastem energia, que o elevem, que o façam sair dessa frequência, relaxar e manter o foco. Mas, por favor, não encha a paciência das pessoas!


Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: 123RF / Imagens.






Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.