Como saber se algum espírito ou entidade negativa está apegado a você:



Apego espiritual acontece quando um espírito humano desencarnado se apega à aura de uma pessoa viva.

Isso acontece porque esses espíritos não aceitam que morreram e querem manter os mesmos comportamentos de quando eram vivos.

Dessa forma, procuram uma brecha através de um humano que esteja em posição vulnerável.

É muito difícil detectar os apegos espirituais, porque esses espíritos não são facilmente vistos, sentidos ou ouvidos. Por essa razão as pessoas têm dificuldade em acreditar que estão sendo vítimas de apego espiritual até que a situação fique grave.

Os apegos espirituais podem começar logo na primeira infância, e quando essa criança cresce, pode sentir, constantemente, que há algo de errado em seus padrões de comportamentos negativos.

As 5 principais fases da detecção do apego espiritual:

1. Consciência

A pessoa pode sentir que há algo faltando e seu comportamento é geralmente obsessivo. Isso, provavelmente, é fruto de uma depressão que existe há muito tempo e da visão obscura sobre a vida. Confira uma lista de sintomas mentais e físicos de apego espiritual.



  • Cansaço crônico
  • Flutuação de humor
  • Impulsividade
  • Ataque repentino de raiva ou tristeza
  • Vozes para interiores negativas
  • Vícios de todos os tipos
  • Ansiedade, depressão ou ataques de pânico
  • Condições físicas sem causa aparente, principalmente ao redor da parte superior das costas e pescoço
  • Medos e fobias inexplicáveis
  • Pesadelos sombrios

2. Avaliação

Para realmente afirmar se existe um apego espiritual em sua vida, é necessário uma avaliação do seu campo de energia e do eu físico.


3. Detecção

O apego espiritual pode ser detectado de diversas maneiras e tratado através de limpeza de aura, anotações em diários, terapia de regressão, exame de sonhos e meditações específicas.


4. Identificação do tipo de apego

Muitas são as variações de apego espiritual. Testes pessoais podem ajudar a identificar com qual tipo de apego espiritual você está lidando.


5. Liberação de apegos

Muitas pessoas têm dificuldade em abandonar seus apegos porque estão com eles há muito tempo e temem como será sua nova vida. Mas é importante se libertar desse padrão de comportamento que tanto mal já nos causa. Um terapia de sessões para liberação podem ser o melhor curso de ação nesse caso.






Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.