Como usar a meditação para se curar de abuso, trauma, ptsd e outros

7min. de leitura

Meditação salvou minha vida.



Meu pai, Richard Norte, morreu em um acidente: no voo de teste de um jato da marinha quando eu tinha seis anos de idade. Quinze meses depois de sua morte, minha mãe, Helen North que tinha oito filhos, casou-se novamente com um homem chamado Frank Beardsley, que tinha dez filhos, fazendo-nos uma das maiores famílias no país. Nós nos tornamos famosos, e nossa história foi destaque no filme Os seus, os meus e os nossos. Mas não era uma grande família feliz. Tivemos de esconder o fato de que estávamos vivendo uma mentira.

Meu padrasto era abusivo em todos os níveis: fisicamente, emocionalmente e sexualmente. Sua raiva constante, desaprovação e personalidade controladora deixaram profundas cicatrizes emocionais. E, para piorar a situação, a nossa família escondeu isso do mundo exterior, e cada um de nós sofremos em silêncio. O preço que eu paguei foi enorme. Desprovido de qualquer senso de autoestima, caí na depressão e nas drogas. Eu imagino que muitas pessoas vão se identificar com os sentimentos, mesmo que suas vidas em família não tenham sido tão horríveis quanto a minha. Mas trauma é trauma, seja na família ou em guerra.

Descobri a meditação quando adulto.


Foi a minha passagem para fora de uma profunda depressão e desespero emocional. E estou aqui para recomendar a meditação como uma solução poderosa para você se livrar dos padrões mentais que tem mantém preso, e se sentindo vítima de um trauma passado.

A meditação foi e ainda é uma terapia vital para minha sobrevivência e cura de uma vida de abuso infantil e violência doméstica. Eu ainda pratico todos os dias, por mais de 38 anos.

A meditação é realmente uma ferramenta poderosa para a saúde e cura em todos os níveis. Uma pesquisa mostrou que a meditação em grupo pode produzir influência de paz na sociedade. Recentemente, o Dr. Deepak Chopra patrocinou e realizou um Grupo de Meditação para a Paz Mundial online com mais de 100.000 participantes do mundo todo. Eu estava feliz por fazer parte deste importante evento.


Este foi um incrível presente que Dr. Chopra deu para o público, pois, como ele explicou, a meditação é a chave para a nossa conexão com nós mesmos. É também a nossa conexão com a consciência coletiva. Estudos mostram que tudo no universo está conectado e é possível unir as pessoas focando no coração com a intenção de facilitar a mudança de consciência global de instabilidade e de discórdia para equilíbrio, cooperação e paz duradoura.

Os benefícios da meditação diária na saúde são muitos

As evidências científicas que documentam os benefícios da Meditação Transcendental, especialmente para PTSD, que inclui o abuso de crianças, são conclusivas. Embora muitos sejam céticos, é irrefutável que a meditação proporciona melhorias em todos os níveis da vida, desde o controle de stress até o equilíbrio emocional, físico e espiritual.

Dr. Norman Rosenthal, cientista de pesquisa sênior no Instituto Nacional de Saúde (NIH), publicou seus estudos de mais de 300 experimentos que comprovam a importância e os benefícios da meditação. Além dos milhares de relatórios que se tornaram disponíveis ao longo dos últimos 40 anos publicados por Maharishi University of Management, Universidade de Harvard e muitos outros.

Na minha própria experiência, e na experiência de muitos meditadores que fazem da meditação uma prática diária, o resultado tem sido uma crescente expansão da consciência e apreço por toda a vida. Os meditadores desenvolvem melhores relações com os que os rodeiam, conexão com toda a raça humana e notam a inteligência divina nas formas de vida mais simples.

Eu seria negligente se não incluísse o fato de que tenho experimentado uma enorme sensação de amor para com todos e tudo o que eu encontro. Como um amigo e ex-colega de faculdade meu disse: “Eu estava parado no tráfego suburbano na rodovia 405 em Los Angeles. Olhei em torno de mim e vi milhares de carros e pessoas e senti um amor sem limites por todos eles!”.

Se este é o resultado da meditação consistente, então todos os que sofrem ou sofreram com traumas anos atrás certamente deveriam praticar. Para aqueles que não conseguem enxergar a saída de sua escuridão pessoal, a meditação é ainda mais importante. Convido você a fazer o compromisso.

8 passos para te ajudar a desenvolver sua prática de meditação diária para curar seus traumas

1. Dê-se permissão para ficar melhor, entendendo que a meditação pode proporcionar cura e alívio.

2. Procure um professor de meditação. Meditar é como andar em uma floresta desconhecida. É melhor ter um guia.

3. Comprometa-se com regularidade. A pesquisa mostra que 20 minutos, duas vezes por dia é o ideal.

4. Crie um espaço apenas para sua meditação diária. Silencie seu celular e guarde-o aonde você não pode vê-lo. Sem trapacear!

5. Deixe seu professor verificar sua meditação regularmente. Isso é muito importante.

6. Se você não vai ter tempo para meditar algum dia, não seja duro consigo mesmo. Renegocie e continue de onde parou.

7. Espere dois meses e confira suas memórias de dor e trauma… Você se sente mais capaz de simplesmente deixá-las ir, permitir que elas não sejam mais importantes para você?

8. Parabenize-se por sua evolução! Você está no caminho certo para a verdadeira cura.

* Atenção: Por favor, lembre-se que a meditação não substitui o cuidado profissional ou ajuda psiquiátrica, caso necessário. Muitos médicos e psicólogos recomendam meditação em conjunto com terapias convencionais.

 

Traduzido pela equipe de O Segredo

Fonte: FinerMinds

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.