7min. de leitura

Compreendendo os traumas ocultos que moldam sua vida hoje:

Por que as pessoas fazem o que fazem?


O comportamento humano é um dos grandes mistérios que cientistas, videntes e curandeiros têm procurado compreender e explicar desde o início dos tempos. Você não gostaria de saber por que alguém próximo comporta-SE de tal maneira?

Quão valioso seria ver mais claramente e compreender suas necessidades, motivos e desejos mais profundamente? No meu trabalho como professora espiritual e curadora de energia, acho que o estudo da caracterologia é uma ferramenta poderosa e fascinante para uma maior autocompreensão e autoconsciência. De onde veio o seu caráter?

Experiências intrincadas em sua memória mais profunda podem estar moldando seus comportamentos, pensamentos e saúde hoje?


A caracterologia procura explicar o modo como o trauma da infância manifesta-se no comportamento adulto, forma do corpo, na saúde, felicidade e bem-estar espiritual.

Ao longo dos últimos cem anos, os trabalhadores dos campos da psicologia e da cura prática exploraram as conexões entre a forma como uma pessoa pensa e se comporta, a forma como seu corpo físico é estruturado, as doenças que recebem e a dinâmica de se campo de energia e chakras.

O psiquiatra austríaco Wilhelm Reich foi o primeiro a notar que a maioria de seus pacientes  encaixa-se em uma das cinco categorias principais. Ele descobriu que experiências semelhantes de infância criaram tipos de corpos semelhantes, e que pessoas com tipos de corpos semelhantes compartilhavam dinâmicas psicológicas semelhantes.

Em algum momento, as crianças sofreram um trauma suficientemente grave para bloquear suas emoções e começaram a usar um sistema de defesa para lidar com o mundo.

Outros pesquisadores adicionaram à compreensão dessas cinco estruturas de caráter, incluindo informações sobre as lições de vida de uma pessoa e propósito de vida.


Abaixo estão as cinco estruturas de caráter e o que elas revelam sobre a maneira como cada tipo encara a vida.

Lembre-se, os nomes desses cinco grupos são únicos para o estudo da caracterologia, e não significam literalmente o que podem ser no campo da psicologia:

1. Esquizoide

O caráter esquizoide vem para o mundo já aterrorizado, sentindo-se indesejado e inseguro. Uma mãe infeliz, um nascimento difícil, ou mesmo um fim violento para uma vida passada poderiam causar esse trauma.

O esquizoide tem medo do mundo e espera experiências negativas. Seu corpo é geralmente alto, fino, com articulações fracas e mãos e pés frios.


2. Oral

O caráter Oral se forma quando um trauma severo ocorre durante o estágio “oral” de desenvolvimento – o período em que uma criança normalmente amamenta. Experimentando o abandono, o caráter oral cresce.

Seus sentimentos de vazio tornam essas pessoas dependentes e manipuladoras, em um esforço para atenderem suas necessidades. O Oral tem um corpo que pode ser subdesenvolvido, com baixa energia, e propenso à depressão e fadiga.


3. Psicopata

O caráter psicopata  forma-se durante a primeira infância, por volta dos 18 a 48 meses, quando a individualidade da criança começa a emergir. O trauma resultante dessa estrutura de caráter ocorre quando a ação de um pai deixa a criança sentir-se  traída e com o coração partido.

O caráter psicopata tem um enorme investimento na imagem ideal de si mesmo, onde ele nunca está errado e sempre no controle. Muitas vezes, o corpo superior é inflado, com ombros largos, tensos e quadris estreitos, enquanto o corpo inferior é fraco e não aterrado.

Seus sentimentos de traição os deixa mais suscetíveis a problemas nas costas e ataques cardíacos.


4. Masoquista

A estrutura de caráter masoquista forma-se durante o estágio de autonomia da infância, de 24 meses a 4 anos. O trauma do caráter masoquista resultou de ser excessivamente dominado pelos pais, quando sua autonomia estava apenas começando a florescer.

Os pais, vendo a criança como uma mera extensão de si mesmos, controlavam-na ao extremo – deixando-a sem espaço pessoal.

O masoquista responde mantendo tudo dentro de si mesmo – seus sentimentos, criatividade e autoexpressão – todo o tempo fervendo em raiva e, continuamente, desonrando sua própria vontade.

Seus corpos tendem a ser pesados ​​e compactos, com músculos superdesenvolvidos,  pescoço curto e cintura curtos.


5.Rígido

O caráter rígido começa a se formar durante a puberdade / fase genital da infância, cerca de 4 a 6 anos de idade. A questão principal do Rígido é a negação do eu autêntico. A estrutura é causada pela rejeição de um pai durante a fase da infância, quando o chakra do coração está se desenvolvendo. Este trauma pode ocorrer através de uma mudança abrupta na atitude de ambos os pais em relação à criança.

Sempre amando e apoiando, um pai de repente exige que a criança coloque suas necessidades e sentimentos de lado e aja de forma mais “madura.” A criança sente que não é boa o suficiente, então começa a reter todos os sentimentos, tentando parecer perfeita.

Para superar sua necessidade de amor, os rígidos muitas vezes concentram-se na conquista do mundo exterior. O caráter rígido tende a ter a postura dura, com a espinha dorsal reta e a cabeça elevada. Seus músculos são tonificados, como um terno feito de armadura.

Se você já foi surpreendido por seu próprio comportamento ou de um ente querido, pode encontrar insights surpreendentes no estudo da caracterologia. Cada tipo de caráter tem habilidades positivas únicas, sua própria maneira de lidar com a vida e lições de vida diferentes.

Um certo tipo de caráter ressoou com você? Explore essa ressonância pela escrita livre, para que possa começar a ganhar consciência sobre como se comporta em relação aos outros, como se sente sobre o mundo e sobre si mesmo. Quando você compreende mais a si mesmo, cria um caminho para a cura.

____

Traduzido pela equipe de O Segredo Fonte: Mind Valley Academy





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.