Notícias

Copiloto de avião que caiu com Marília Mendonça deixa dois filhos e mulher grávida

whatsapp image 2021 11 05 at 23.42.34

O copiloto do avião que caiu com a cantora Marília Mendonça, Tarciso Pessoa Viana, 37 anos, vivia em Samambaia, no Distrito Federal, e deixou dois filhos, de 5 e 22 anos, além da esposa grávida. O piloto, Geraldo Medeiros Júnior, de 56 anos, também morava em Brasília.



Uma irmã de Tarciso, a empresária Nádia Viana, relembrou a trajetória do irmão. “Ele era um servo de Deus. Lutou muito para ser piloto e morreu fazendo o que amava, voando”, disse.

Marília Mendonça e mais quatro pessoas morreram na tarde desta sexta-feira (5), após a queda da aeronave de pequeno porte, perto de uma cachoeira na serra de Caratinga, interior de Minas Gerais. Antes de embarcar, a cantora fez uma foto com o copiloto (imagem abaixo).

Marília Mendonça fez foto com copiloto antes de embarcar em avião — Foto: Instagram/Reprodução

Marília Mendonça fez foto com copiloto antes de embarcar em avião — Foto: Instagram/Reprodução


O ator Francisco José Ferreira, que morava no mesmo local que Tarciso, disse que a comunidade está em choque. “Pegou todo mundo do condomínio de surpresa. Ele era um cara muito doce, muito amigo e solícito com todo mundo. Eu nem sabia que ele era piloto porque era muito discreto em relação a isso”, disse.

“Ele levava a filha nas costas para estudar à tarde. Era muito humilde e bem simples. A gente sempre conversava quando nos encontrávamos no hall do condomínio. Vai fazer muita falta”, lamenta Francisco.

Em uma rede social, outra irmã de Tarciso também se manifestou. “Meu irmão tinha muitas horas de vôo”, escreveu. “Ele era profissional. Você foi um herói. Sei que tentou de tudo. Meu piloto preferido”, concluiu a irmã.

Piloto


Piloto Geraldo Medeiros Jr. e a filha mais velha, Vitória Medeiros, de 19 anos — Foto: Rede social /Reprodução

Piloto Geraldo Medeiros Jr. e a filha mais velha, Vitória Medeiros, de 19 anos — Foto: Rede social /Reprodução

Após o acidente, a filha do piloto Geraldo Martins de Medeiros Júnios também fez uma homenagem nas redes sociais. “Te amo para todo sempre. Descansa em paz, pai”, disse Vitória Medeiros, de 19 anos.

A filha postou uma foto antiga em que aparece dentro de um avião, ao lado do pai. “Obrigada por ter vindo me visitar”, disse a jovem, que dormiu na casa de Geraldo, na Asa Sul, na noite anterior ao acidente.

Natural de Floriano, sul do Piauí, Geraldo deixou esposa e outros dois filhos: um menino de 4 anos e uma menina de 11 anos.


“Ele não era mais meu marido, mas era meu melhor amigo, a melhor pessoa do mundo, pai da minha filha. Ainda não acredito no que aconteceu. O piloto mais cuidadoso que conheci”, disse ao Euda Dias.

Vitória postou uma homenagem ao pai, o piloto Geraldo Medeiros, em sua rede social — Foto: Redes sociais /Reprodução

Vitória postou uma homenagem ao pai, o piloto Geraldo Medeiros, em sua rede social — Foto: Redes sociais /Reprodução

‘Te amo para todo sempre. Descansa, pai’

Artigo Anterior

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.