3min. de leitura

Coração como chave da atração

Há um ditado celta antigo que diz:



– Se queres muito algo, faça seu pedido e esqueça-o.

Levei décadas para compreender a profundidade disso. É simples e verdadeiro como o dito:

– Não corra atrás de borboletas, cuide de seu jardim e assim, elas virão até você.


Tudo em nossa vida são escolhas. Podemos lutar, correr e brigar para conquistarmos algo. Ou então, como as frases acima, podemos fluir com a vida. Seguir nossos instintos naturais fazendo coisas que gostamos, que nos inspiram a viver e assim, naturalmente, o sábio ritmo da vida nos leva para o queremos.

CORAÇÃO COMO CHAVE FOTO 02

“O que você procura também está procurando por você” esta citação é do poeta Rumi. Reflita um pouco comigo: os melhores encontros, as melhores situações, as experiências mais transformadoras em nossas vidas geralmente são “surpresa”. Não planejamos. Não programamos.


Uma criança que gosta de música e sonhará em ser músico naturalmente buscará por instrumentos e como que por necessidade de seu coração, em seus momentos livres, buscará praticar o instrumento que mais lhe atraia. Ouvirá as músicas que mais lhe inspire.

Atualmente, vivemos uma vida de distrações. É fácil começar uma tarefa e terminar fazendo outra completamente diferente. Mas comece a se assistir. Para onde naturalmente você está fluindo? É para este rio que a sua natureza te levará. Portanto, quanto mais conectados com a voz do nosso coração nós estivermos, mais facilmente encontraremos, assim casualmente, o que queremos.

Se abra! Na próxima vez que uma situação inesperada cruzar o teu caminho, antes de se lamentar pelos planos não terem saído como o desejado, tente fluir e lembre-se: “Deus opera maravilhas, em lugares inesperados, através de pessoas estranhas, em ocasiões imprevistas”.

Você sabia que O Segredo está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.