Notícias

Criança de 5 anos cai de van escolar em movimento e fica gravemente ferida, no DF

Uma criança de 5 anos ficou gravemente ferida após cair de uma van escolar em movimento, na QN 5 do Riacho Fundo, no Distrito Federal. Câmeras de segurança da rua registraram o momento em que a porta da van se abriu e o pequeno Rhyan Lucca caiu, na quarta-feira (6) (assista acima).



Nas redes sociais, a mãe do menino, Phyama Ohanna, disse que ele está internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital de Base do DF, com lesões na bacia e na bexiga.

“Rompeu a bacia e estava com estômago com sangue. Devido a essas fraturas, ele passou por uma cirurgia delicada, [com] um corte do peito até a bexiga. Ele está se recuperando bem, mas continua em observação”, diz no texto, publicado na quinta (7).

Segundo a mãe, o motorista fazia uma curva quando ocorreu o acidente. “Como meu filho senta de frente à porta, essa porta se abriu. No momento, ainda não sei se foi meu filho que abriu a porta ou se a porta abriu sozinha. Quando fez a curva, ele caiu e, na queda, a van passou por cima dele”, conta na postagem.


Direitos autorais: reprodução/redes sociais.

Versão da empresa

O g1 entrou em contato com a empresa que transportava a criança. No entanto, os responsáveis não se manifestaram até a última atualização desta reportagem. Em depoimento na delegacia, a proprietária da van de transporte escolar disse que buscou Rhyan como de costume na creche.

Segundo a ocorrência, a mulher afirmou que, ao chegar em um primeiro endereço para deixar outra criança, o instrutor que acompanha os menores na parte de trás da van foi prestar apoio ao aluno que ia descer.


A empresária disse que, por isso, o funcionário não percebeu que Rhyan soltou o cinto de segurança e foi em direção à porta do veículo, que ainda estava em movimento. Segundo o depoimento da mulher, o menino abriu a porta e, nesse momento, caiu.

A empresária informou ainda que imediatamente solicitou atendimento do Corpo de Bombeiros. O instrutor também prestou depoimento e disse que Rhyan soltou o cinto de segurança e abriu a porta do veículo.

Relatou ainda que “dispensa a máxima atenção aos menores enquanto conduzidos ao trajeto da residência à escola, porém, não teve como impedir que Rhyan abrisse a porta da van, pois foi muito rápido o acontecido”.

Van será periciada


O caso está sendo investigado pela 29ª Delegacia de Polícia, no Riacho Fundo, e foi registrado como atropelamento e lesão corporal culposa na condução de veículo automotor. Segundo a Polícia Civil, todos os envolvidos foram ouvidos. A van escolar será periciada e as imagens das câmeras também serão analisadas.

Polícia busca motorista que atropelou dezenas de capivaras no PR

Artigo Anterior

Henry: Babá que protegeu Jairinho foi cabo eleitoral para elegê-lo vereador

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.