Comportamento

Daniel Craig gera polêmica por não concordar que James Bond seja interpretado por uma mulher

3 Capa site Daniel Craig gera polemica por nao concordar que James Bond seja interpretado por uma mulher

O ator de 53 anos revelou que devem ser criados personagens para as mulheres, e não um que já está pronto.



O intérprete de James Bond da atualidade é o ator Daniel Craig. Como ele está estrelando o último filme como personagem principal da trama, deu sua opinião sobre quem deve assumir o novo posto do espião mais conhecido do mundo todo.

De acordo com informações da revista Radio Times, o ator foi questionado sobre a possibilidade de mudar o perfil do personagem, mas ele disse que não vê uma mulher assumindo o “James Bond”. Desde 2006, o personagem é vivido pelo ator.

Desde o comunicado de sua saída da franquia, muito tem se especulado sobre quem ficará no lugar. Pediram que atores negros fossem escalados, já que a diversidade é um tema que está em alta na indústria cinematográfica e que uma mulher pudesse ocupar o cargo.


Ele indagou por que querem colocar uma atriz para interpretar o “Agente 007”, se deveriam dar um papel tão bom quanto esse, mas que fosse feito para uma mulher. Disse ainda que devem existir papéis melhores para mulheres e atores negros.

O pedido começou após alguns fãs apontarem que as mulheres só apareciam para estrelar as “Bond girls”. A atriz Halle Berry interpretou uma, no filme de 2002, e foi um marco para sua carreira. Mas, tal qual Daniel, ela disse que também achava que não poderiam transformar James Bond em um personagem feminino.

A fala do ator não foi bem vista por alguns, e gerou um debate sobre a possível reformulação, pois alguns fãs andam sugerindo há vários anos que uma mulher poderia sim assumir o papel icônico do espião.

Craig não está sozinho em sua opinião. Alguns críticos mencionam que trocar dessa forma um personagem descaracteriza o que já vem dando certo e seria um “desserviço”, já que há outras maneiras melhores de aumentar a diversidade nos filmes.


Uma das produtoras da franquia deixou transparecer que atores negros têm sido cotados, mas que não há a possibilidade de o “Agente 007” mudar de gênero. Barbara Broccoli disse à Variety que o personagem foi feito para “ser homem” e se isso fosse mudado, descaracterizaria toda a história. Por fim, afirmou que James Bond pode ser interpretado por atores de qualquer etnia, mas que sejam do sexo masculino.

Daniel ressalta que é melhor criar figuras femininas fortes, do que entregar um personagem masculino a uma atriz. Ele acredita que as mulheres são mais interessantes do que isso. O ator terminou as gravações do último filme de que participa como o agente e a data para estreia está prevista para o dia 7 de outubro aqui, no Brasil.

Direitos autorais da imagem de capa: Depositphotos.


Vizinho exige que mulher não amamente o filho no próprio quintal por se sentir “desconfortável”

Artigo Anterior

5 atitudes que uma mulher independente e bem-resolvida toma em um relacionamento!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.