Notícias

No aniversário de 5 anos do filho, Pai de Henry diz: “Daria tudo por mais um dia”

Nas redes sociais, o pai lamentou não poder comemorar o aniversário ao lado do filho.



A morte do menino Henry Borel, morto em 8 de março desse ano, com a mãe Monique Medeiros e o padrasto, Jairinho, como principais suspeitos, foi um crime que abalou profundamente o país.

O menino foi levado ao hospital por ambos, mas acabou falecendo. As investigações mostraram que o menino foi vítima de sessões de tortura por parte do padrasto, e que a mãe tinha conhecimento das violências.

A babá de Henry chegou a fazer chamada de vídeo com Monique para relatar as agressões, que infelizmente não foram cessadas e seguiram acontecendo, até que a situação acabasse dessa maneira tão trágica.


Nos últimos meses, temos acompanhado o andamento da investigação e as descobertas da polícia, e nos chocando a cada nova informação, que nos mostram o quanto menino sofreu, e que poderia ter sido salvo. Jairinho e Monique foram acusados de atrapalharem as investigações da morte de Henry, e estão presos.

Uma das pessoas que mais tem sofrido nos últimos tempos para recomeçar a sua vida e lidar com a dor é Leniel Borel de Almeida Junior, pai do menino, que passou o dia com Henry na véspera de sua morte. Através das redes sociais, ele tem manifestado a indignação, a dor e a saudade que sente da criança.

No último dia 3 de maio, não foi diferente. Na data em que o filho completaria 5 anos de idade, Leniel prestou uma homenagem pública ao filho, que tem tocado o coração de muitas pessoas.

Junto a uma foto do último aniversário de Henry, em que o menino estava vestido com o personagem de videogames Mario, Leniel escreveu que essa seria a data de mais um de seus aniversários, que seria comemorado como ele sempre gostou, com brincadeiras, personagens, bolos e brigadeiros.


Direitos autorais: reprodução Instagram/@lenielborel.

O pai escreveu que tem muito orgulho do filho, e que era lindo acompanha-lo crescendo, e ainda acrescenta que, apesar de seu tempo ao lado de Henry ter sido breve, foi intenso, feliz e muito especial. Leniel afirmou que daria tudo o que tem para passar mais um dia ao lado do filho, e receber mais um abraço, sorriso e um: “Papai, eu te amo.”

Finalizando a publicação, ele escreveu que a data 3 de maio será eterna, pois saberá que o filho vive em seu coração. A publicação rendeu mais de 118 mil curtidas, e nos comentários milhares de pessoas prestaram o seu apoio a Leniel.


Jovem grava vídeo lavando os cabelos da bisavó e viraliza: “Cuide de quem você ama”

Artigo Anterior

Morre aos 84 anos Agnaldo Timóteo, vítima da Covid-19

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.