publicidade

Dedique tempo à si mesmo, respeite as outras pessoas e seja leal aos seus valores

Encare essa espera como uma oportunidade e não como um castigo. Encontre motivos para fazer desse seu recanto o melhor lugar no seu universo.



Aproveite o momento para dar boas risadas, praticar a reflexão, mergulhar internamente em si. Quando a vida proporciona uma pausa, significa que precisa ser bem aproveitada, mesmo que não se aceitem os motivos que ocasionaram tal imperativo.

Não se trata de férias nem licença, mas também não é o fim do mundo. Neste momento, por algum motivo, que só o Universo compreende, foi imposto o recolhimento, então que ele não seja apenas físico, mas também psicológico e moral.

Mesmo que sua saúde não tenha essa necessidade, respeite a de quem tenha, afinal com saúde, não se brinca, menos ainda com a saúde daqueles que se ama, apenas se permita ficar em casa. Cuide dos seus pais, irmãos, dos seus filhos, sobrinhos, cuide dos seus pets, de quem ou do que preferir.


Encontre tempo para exercícios físicos, pratique hobbies, maratone por alguma série, respeite a sua integridade física e a do próximo.

Se for inadiável sair, vá, mas mantenha os cuidados necessários com a etiqueta e a higiene. Não compre nada em excesso, pois se usar de exagero e acabar com os estoques, é certeza que outra família ficará sem.

Desespero gera desespero e entra em cena o efeito manada. Imagine aquele grupo de animais selvagens correndo de forma disparada em sua direção, eles são gigantescos e com chifres afiados, não há lugar protegido, não há abrigo possível para se resguardar nesse cenário, não é mesmo? Assim são as pessoas em épocas de crises públicas, como a que se apresenta, ficam tão agressivas e egocêntricas, que muito se assemelham aos animais do exemplo da manada. Não queira fazer parte desse grupo, não faça parte!

A maior autoridade no que lhe faz bem ou mal é apenas você. Use de respeito, pratique a educação, tenha ações coerentes, tempos complexos demandam atitudes maduras. Não se alimente de medo, não se paralise pelo pavor, não se motive pelo desespero.


Encontre apoio no que acredita, que seja na fé e na religião, que seja em seus valores de vida e de família, mas que isso não cegue você. Há uma doença real, que requer cuidados reais, e não haverá cura por milagres nem dentro de templos e igrejas. Neste momento, a cura é para o espírito, o teste é para a essência, sendo oportuno vir para a superfície tudo o que se cultiva no interior de cada ser.

A maior demonstração de fé é se manter firme no que se acredita, no melhor proceder. É necessário aceitar as orientações das autoridades, ficar em casa pode ser o melhor a se fazer por si agora. Encare isso como uma oportunidade e não como um castigo. Encontre motivos para fazer desse seu recanto o melhor lugar no seu universo.

A verdadeira força não é enfrentar a tempestade, e sim ter a coragem de esperá-la passar. Vamos esperar o fim desta tempestade com as melhores atitudes e com apoio mútuo.

 

Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: Dean Drobot/123RF Imagens.

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.