ColunistasAmorRelacionamentos

A deficiência em amar…

A DEFICIENCIA EM AMAR FOTO DE CAPA

Passaram anos e nunca mais se encontraram. Tinha a nítida impressão de que o universo conspirava de uma maneira que impossibilitava viver aquele amor. Um amor que poderia ser rotulado como proibido.



Não, não gostava dessa terminologia, pois sempre acreditou que proibido era não amar. Amavam a sua maneira. Uma maneira estranha e até mesmo deficiente. Precisavam de desculpas, explicações do que não era dito e principalmente de ausências justificadas através de palavras que serviam como açoites num corpo já cansado de tanto sofrer por amor.

A deficiência em amar é algo que mina os amantes sedentos de desejo. Essa frase já tinha virado jargão em sua mente. E mesmo tendo consciência desta inabilidade depositou toda sua volúpia em mais de 1500 páginas de histórias que lhe serviam como analgesia temporária para feridas que teimavam em continuar sangrando.

A DEFICIENCIA DE AMAR - FOTO DE DENTRO


Das poucas vezes que se encontravam, evitavam a troca de olhares, pois temiam que eles pudessem revelar o que sentiam.

Eram amantes! Porque ser amante lhe causava tanto receio?

Amar duas pessoas ao mesmo tempo era tão provável como a presença do arco-íris após uma chuva banhada de sol. Queriam ser capazes de dizer, vamos ser amantes! Mas faltava coragem. Tinham medo de se assumirem e devido a isso suas vidas não passavam de aparências. Sim, aparência e nada mais.

Se, eram felizes assim? Claro que não.


A suposta “felicidade” que causavam aos outros quando atuavam como a família perfeita permitia camuflar uma vida sem arrependimentos.

O tempo passou e ao saber que seu antigo e único amor havia morrido num acidente, não pode conter o que havia guardado por tanto tempo dentro de seu peito. Lágrimas deslizavam sobre sua face tentando amenizar o que agora não tinha volta. O silêncio foi o que restou de um de sentimento que nem se quer presenciou o deslizar de uma das mãos sobre a carta que recebera com as palavras que tanto esperou ouvir:

“ Eu te amo!”


Sentindo-se doente e lento? esta bebida simples transforma sua saúde!

Artigo Anterior

A falta de sono estaria ligada à aparição do alzheimer?

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.