Família

Depois de perder três filhos, casal decide adotar um bebê: “Fomos agraciados”

capadepois de perder tres filhos casal decide adotar um bebe Fomos agraciados

A adoção tornou sua família completa! Confira essa história de muito amor!



A adoção é um dos maiores atos de amor que podemos proporcionar a outra pessoa, e existem milhares histórias que comprovam isso. Hoje trazemos uma delas que, certamente, fará você admirar ainda mais essa grande decisão.

Tracy e Junji Umezu são um casal dos Estados Unidos, que sempre sonhou em ter uma família numerosa. No entanto, a jornada para realizar esse sonho não tem sido nada fácil.

Em entrevista com o casal, ao Today, Tracy, que já tem uma filha mais velha, de 9 anos, chamada Sophie, contou que o casal passou por problemas de fertilidade ao conceber a filha Charlote, em 2016, portadora de uma doença genética rara.


A menina nasceu mas, por conta de sua saúde, teve uma convulsão muito séria, então eles optaram por lhe tirar o suporte vital já que, segundo Tracy, a menina estava mais sofrendo do que vivendo, e os medicamentos não funcionavam.

Alguns meses depois, o casal começou a fazer tratamentos de fertilidade para ter outro filho. Após um ano de tratamento, a mulher recebeu a notícia de que estava grávida de gêmeos. No entanto, essa gravidez também não foi bem-sucedida.

Tracy contou que o batimento cardíaco do segundo bebê parou na décima semana de gravidez, e que, com 34 semanas, ela perdeu a consciência e desmaiou em casa, ocasionando um descolamento prematuro completo da placenta, o que levou à morte o segundo bebê.

Depois dessas duas tentativas malsucedidas, o médico orientou o casal a não tentar mais gravidezes.


Essa situação foi muito pesada para a mulher, que relatou perder seu senso de valor e que tinha aceitado apenas a filha Sophie. Foi então que Junji lhe sugeriu adotar uma criança.

Durante uma viagem a Israel, ela pensou melhor sobre o assunto, e conheceu um médico que já havia ajudado outras famílias em processos de adoção. Assim, foi se sentindo mais segura com a ideia, e começou a concordar, sabendo que ficaria bem, se as coisas não saíssem como planejadas.

Então, o casal começou a trabalhar nessa ideia até que, em fevereiro deste ano, foi avisado de que havia um bebê de dois dias em uma UTI neonatal, precisando de uma família adotiva.

Tracy chegou a conversar com a mãe biológica da criança, que lhe disse que gostaria que o casal mantivesse o nome que ela lhe deu, “Jacob Benjamin”. Tracy concordou, já que ela e o marido sempre consideraram o nome “Jacob”, caso tivessem um filho.


O casal voou para outro estado para pegar o bebê, que foi muito bem recebido e inundado de amor e atenção pelos pais e a irmã mais velha.

2depois de perder tres filhos casal decide adotar um bebe Fomos agraciados

Direitos autorais: reprodução Facebook/Tracy Umezu.

Legenda: “Não lhe demos a vida, mas a vida o deu a nós.”

Tracy disse que conhecer o filho adotivo despertou nela muitas emoções e que ela e a família foram agraciadas para amar Benjamin e cuidar dele, dando-lhe a melhor vida possível.


3depois de perder tres filhos casal decide adotar um bebe Fomos agraciados

Direitos autorais: reprodução Facebook/Tracy Umezu.

Ela ainda acrescentou que ele lhe despertou um amor profundo e uma sensação de cura e milagre para toda a família.

A adoção deu um novo sentido para as suas vidas. Que essa família possa viver dias muito felizes!

Compartilhe esse caso de muito amor em suas redes sociais!


O bom caráter de um filho se constrói através do diálogo e dos exemplos!

Artigo Anterior

Ex-aluno arrecada R$154 mil e ajuda a mudar a vida de professor que morava em seu carro

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.