Animais

Depois de resgatar 16 animais em abrigo que pegava fogo, sem-teto recebe quase R$ 500 mil em doações

Nas redes sociais, o dono do abrigo se manifestou dizendo que Keith Walker é um herói, arriscando a própria vida para salvar animais abandonados.



Poucas pessoas arriscariam a própria vida para ajudar quem precisa, talvez por medo, descaso ou até desconhecimento. Mas existem outras que são capazes de se lançar em qualquer perigo, sabendo que estão correndo sérios riscos, porque simplesmente não sabem fazer as coisas de maneira diferente.

É como se tivessem um espírito de herói que pulsasse dentro de si, e isso é uma virtude que nem todos carregam. A coragem surge em momentos inusitados, de pessoas que nunca imaginamos que poderiam mostrar tamanha garra.

Esse é o caso de Keith Walker, de 54 anos, que arriscou a própria vida em um incêndio para salvar vários cães e gatos de um abrigo de animais, em Atlanta, nos Estados Unidos.


Keith é sem-teto e surpreendeu Gracie Hamlin, fundador do abrigo W-Underdogs, que afirma ter uma dívida eterna com ele. Em entrevista à CNN, o salvador disse que estava extremamente nervoso antes de entrar no local do incêndio, sentindo muito medo por causa da quantidade de fumaça.

Mesmo assim, sentiu que foi Deus quem o colocou para salvar os animais, já que o amor por seu cão é gigantesco. Para Keith, foi seu amigo de quatro patas quem o salvou dos problemas ao longo da vida, por isso sabia que precisava entrar no abrigo para salvar os que conseguisse.

Direitos autorais: reprodução Facebook/W-Underdogs.

O incêndio não destruiu todo o prédio, mas deixou o local inabitável, como explica Gracie. A W-Underdogs estava apenas a uma semana de se mudar para novas instalações em Atlanta, por isso  o fundador conta que apenas adiantou um pouco o processo.


O responsável pelo abrigo não se cansa de afirmar que Keith é o seu anjo da guarda, e revela que os bombeiros, assim que atenderam ao chamado, disseram que não lidariam com os bichinhos, chamando o controle de animais.

Em casos graves como esse, qualquer segundo pode ser decisivo e, ao invés de aguardar o controle de animais, Keith decidiu ir de encontro ao fogo para salvar o máximo de animais que conseguisse. Os homens se conhecem há vários anos, já que o sem-teto deixava Bravo, seu pit bull, todas as noites, no abrigo para dormir com mais conforto.

Direitos autorais: reprodução Facebook/W-Underdogs.

Se você está se perguntando que fim levou o resgate, saiba que Keith conseguiu salvar todos os animais, seis cães e dez gatos. Nas redes sociais, Gracie enalteceu a atitude do homem e abriu um financiamento coletivo, na esperança de que o dinheiro pudesse compensar de alguma forma todo o seu heroísmo. A vaquinha se encerrou há dois meses, e conseguiram arrecadar cerca de R$ 500 mil.


Vizinho doa parte de seu terreno e constrói casa em um mês para morador de rua

Artigo Anterior

Morre aos 85 o ator Tarcísio Meira, por complicações da covid-19

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.