Animais

Depois de ver foto do cãozinho “mais triste do abrigo”, casal dirige por mais de 6 horas para adotá-lo

2 capa Depois de ver foto do caozinho mais triste do abrigo casal dirige por mais de 6 horas para adota lo

Jessica e seu namorado estavam navegando pelos sites de abrigos para adotar algum cãozinho, quando se depararam com a fotografia de Benji e decidiram ir ao seu encontro.



Os cães são animais domesticados para nos fazer companhia, nos dar amor e ocupar o papel de leais amigos. Quando são abandonados, esquecidos pelas famílias que um dia acreditaram que os amavam, a tristeza é capaz de tomar conta. Sem compartilhar momentos e afagos com seus donos, os cachorros, infelizmente, tornam-se cada vez mais tristes.

O abandono é uma via que pode levar a dois caminhos diferentes: ou aquele animal ficará na rua, à sua própria sorte, ou irá para um abrigo, onde pode ter a chance de ser resgatado. Sabemos que os animais que moram nas ruas raramente são adotados, e precisam lutar por comida, água e espaço, correndo risco de sofrer maus-tratos e outros acidentes.

Quando uma família decide adotar um cachorro de forma consciente, uma grande porta de esperança e amor se abre para ele. Jessica Williams e seu namorado Jared finalmente tinham se mudado para um condomínio que permitia a presença de cães, e cada dia mais o sonho de ter um amigo peludo aumentava.


O combinado que eles tinham era adotar um cachorro, em novembro, mas Jessica ficou tão animada que logo começou a pesquisar os sites e redes sociais dos abrigos. Foi quando ela se deparou com uma fotografia que mudaria todo o rumo da família.

Eles o chamaram de “o cãozinho mais triste do abrigo”, e não era por menos, afinal,  na imagem, já é possível ver a tristeza dentro dos olhos daquele pequeno animal.

Mesmo ainda sendo agosto, Jessica e Jared decidiram que precisavam adotar aquele animal, que estavam destinados a ficar juntos. Logo o casal ficou sabendo que Benji havia sido resgatado das ruas de Los Angeles, tinha muito receio dos humanos e uma alergia que fazia seu pelo cair quase completamente.

2 2 Depois de ver foto do caozinho mais triste do abrigo casal dirige por mais de 6 horas para adota lo

Direitos autorais: reprodução/arquivo pessoal.


O pequeno Benji estava naquele abrigo público havia apenas dez dias, mas não estava lidando bem com aquela situação.

Além de aparentar estar extremamente triste, ele gritava e rosnava muito para todas as pessoas que via. Jessica sentiu que não poderia deixá-lo ali, precisavam ir até aquele abrigo.

O casal, que mora em Sacramento, precisou dirigir por cerca de seis horas para chegar ao abrigo, que fica em Los Angeles. Era incrível sua sintonia com aquele peludinho desconhecido. Os dois tinham a estranha sensação de que tudo iria valer a pena, por isso dirigiram com muita alegria.

2 3 Depois de ver foto do caozinho mais triste do abrigo casal dirige por mais de 6 horas para adota lo

Direitos autorais: reprodução/arquivo pessoal.


No abrigo, os funcionários tentaram fazê-los desistir da adoção. Benji era um cachorro recém-chegado ao local, não demonstrava se socializar bem com humanos, estava com uma aparência horrível e precisava de tratamento, antes de sair dali. Mesmo assim, os dois insistiram que gostariam de conhecê-lo melhor, ali mesmo, tirando o cãozinho da gaiola. Os funcionários logo se adiantaram em dizer que aquela experiência poderia dar errado.

Jessica e Jared sentiam que precisavam tirar aquele animal dali, pois existiam grandes chances de ele ser sacrificado. Mesmo com as advertências de quem trabalhava no abrigo e com a postura levemente antissocial de Benji, eles já haviam se decidido, levariam o cachorro para Sacramento, não queriam que ele corresse o risco de morrer.

A viagem de volta se revelou muito estressante para os três, Benji estava completamente desconfiado, sentia medo e, provavelmente, demonstrava que havia sofrido maus-tratos anteriormente.

Quando, finalmente, chegaram em casa, o comportamento do novo integrante não foi muito diferente, ele mantinha distância de todos e raramente se aproximava.


2 4 Depois de ver foto do caozinho mais triste do abrigo casal dirige por mais de 6 horas para adota lo

Direitos autorais: reprodução/arquivo pessoal.

Mesmo assim, o casal insistiu naquela adoção. Com o passar dos dias, o comportamento de Benji foi mudando drasticamente. Assim que se deu conta de que não sofreria nenhum abuso naquela casa, foi se socializando cada vez mais, mostrando ser um cãozinho doce, brincalhão e amável.

Agora os três vivem muito felizes no seu novo lar. Benji voltou a acreditar no amor e recuperou a confiança nos humanos, enquanto Jessica e Jared se sentem extremamente abençoados pela presença do novo amigo. Eles sabem que fizeram o certo, e fariam tudo de novo, se isso garantisse o amor de Benji.

Uma linda história!


Comente abaixo e compartilhe essa história nas suas redes sociais!

“Pintando o céu de rosa”: mulheres se tornam as primeiras a pilotar um Boeing 737 na história!

Artigo Anterior

Mulheres se conhecem no trabalho, viram amigas e descobrem que são irmãs separadas há 30 anos!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.