Desenvolvimento PessoalMensagem de ReflexãoO Segredo

Dez maneiras de melhorar a sua qualidade de vida

11113

Marcus Vorwaller, no blog A Melhor Ferramenta para o Trabalho (The best tool for the), terminou esta série sobre como melhorar a sua qualidade de vida. Este título, por si só, dá o que pensar.



Pense diariamente, medite

Chame isto do que você quiser, mas gaste algum tempo, todos os dias, ficando sozinho com os seus pensamentos. Esta não é, provavelmente, a primeira vez que você ouviu este conselho e há um motivo para ele existir! Há também um motivo para este conselho estar em primeiro lugar na lista. Fazer as outras coisas que estão entre as outras nove sugestões, sem reservar algum tempo para reflexão, quase anula qualquer benefício obtido em outras atividades.



Fique na zona produtiva

Estes não serão apenas os momentos mais produtivos da sua vida (os 20% do seu tempo nos quais você obtém 80% dos resultados), mas eles farão crescer muito a sua autoconfiança e irão alterar as outras decisões que você tomar na vida.


Faça algo arrojado todos os dias


Saia da sua zona de conforto e deixe a rotina de lado, mesmo que por um segundo. Isto pode significar falar com alguém com quem você normalmente não fala, ou iniciar um projeto diante do qual você se sente intimidado. Não há necessidade de planejar com antecedência – embora isto possa ajudar, de vez em quando, você encontrará um ponto, no decorrer do dia, no qual haverá uma bifurcação e você poderá escolher o caminho menos trilhado. Tome-o.


Aprenda algo novo

Escolha um assunto, de preferência alguma coisa sobre a qual você não sabe nada. Uma boa fonte de inspiração para isto pode ser o jornal ou a Wikipedia. É bom, para ajudar a reter o aprendizado, fazer alguma anotação e explicar este assunto para alguém, mas, mesmo que você não possa fazer isto, o seu cérebro ficará agradecido pelas novas vias que você criará, quando aprender algo novo a cada novo dia.



Debata alguma coisa

Se você acha que conhece algum assunto, a melhor maneira de por isto à prova é discutir este assunto com alguém que seja mais esperto que você, ou que conheça melhor o assunto. Ache algum amigo com quem você possa debater, que tenha ideias diferentes das suas e que não se ofenda ao debate-las – é mais fácil dizer isto do que faze-lo, mas isto pode ser um dos melhores estímulos intelectuais possíveis.



Passe algum tempo junto com uma criança

Se você tiver uma criança, considere-se uma pessoa de sorte, mas, se você não tiver, eu aposto que você tem amigos que ficarão felizes em lhe emprestar o filho(a) deles por alguns minutos (ou horas). Não importa que idade a criança tenha, pois, as crianças vêm o mundo de forma completamente diferente. Procure ver o mundo através dos olhos delas. Seja o herói delas. Aprenda a gostar do que elas gostam. Aprecie novamente as coisas simples. Você gostará muito disto e elas gostarão de você.


Saia de casa


Se você não fica habitualmente fora de casa, procure fazer isto mais vezes. Há alguma coisa na grandeza do céu que irá inspirar o filósofo adormecido dentro de você.


Saiba reconhecer o que o faz feliz

Reflita sobre as partes do seu dia que o fazem ficar realmente satisfeito. Todo mundo trabalha para alcançar alguma coisa, mas o que o faz feliz agora? Avalie a sua satisfação em geral e a compare com a sua qualidade de vida em cada dia, numa escala de 1 a 10; foque no que aconteceu e que elevou esse número, ao invés de diminuí-lo. Tente incorporar ao dia de hoje mais daquilo que o fez feliz ontem.



Interrompa os pensamentos quebrados

Pensamentos quebrados são padrões sutis que não são suficientemente grandes para cair na categoria de maus hábitos. Isto significa que, apesar do seu efeito prejudicial, eles não são percebidos com frequência. Os pensamentos quebrados tomam, frequentemente, a forma de justificativas. Exemplos? Agora, eu vou deixar o meu prato na pia e vou lava-lo mais tarde (e você sabe que a sua esposa acabará lavando-o). Eu vou marcar este artigo para lê-lo mais tarde (com que frequência você lê os artigos que marcou?). Eu vou pendurar a minha camisa depois (quando você sabe que ela irá ficar lá uma semana, antes de você a pendurar no cabide).

Não fique estressado


 

_____

Fonte: Lifehack.org traduzido por Equipe The Secret


4 passos para eliminar a dependência emocional:

Artigo Anterior

10 coisas que as pessoas bem-sucedidas fazem à noite antes de dormir!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.