publicidade

A distância que protege…

Leia ouvindo:  Maxwell Joseph – Adventure Of A Lifetime (Coldplay cover)



Somos mais fortes longe um dos outros. O longe é uma distância segura e bem acomodada do ser humano.

Longe somos melhores!

O longe é sempre uma bela fuga. Fugimos para valorizar, para encontrar, e por que não, se perder. Fugir para um intercâmbio e dar valor ao colo da mãe ou abraço do pai. Quem nunca? Mudamos de cidade achando que os problemas ficaram para trás. Abandonamos pessoas interessantes pelo meio do caminho porque elas já não se encaixam na nossa lista de perfeição. Fugimos! Fugimos para bem longe da nossa realidade, todos os dias.


Nós só esquecemos que no “longe” que a saudade bate, o coração aperta e as lágrimas teimam em escorrer. É longe, mas bem longe, que a gente dá valor em quem já foi. Dizem que longe nos tornamos mais fortes. Dizem que a distância ajuda a resolver as coisas.

A DISTANCIA QUE PROTEGE FOTO DE DENTRO

Para mim esta é a maior mentira que alguém já contou. Fortes não, somo um bando de babacas emocionais!


Precisamos do sofrimento para valorizar e da distância para proteger. O muro para os indecisos sempre foi um lugar seguro. Assim como a distância para o mais fraco.

É difícil querer ser presente, mas na real ser ausente. Querer estar perto, mas na verdade se esconder atrás de desculpas para não ficar tão perto assim. A distância pode até te proteger, mas pensando bem, você quer se proteger do que mesmo? De um olhar? De um “não”? De um fora? Um beijo roubado? Um abraço apertado? Um “tô com saudade”? Do amor da sua vida?

Somos babacas emocionais! Quer distância? Se isola numa ilha, suma do mapa, mas não me venha fugir da resposta de um “Vamos sair? Tô com saudade! ”. Arregamos! Deixamos de viver para manter uma distância segura do outro.

Vem cá, deixa eu te contar uma coisa. Você ainda vai se ferrar muito, vai cair de abismos, vai tropeçar em problemas, vai criar expectativas só para se frustrar depois, e o que é pior nessa história toda? A distância não vai te proteger de nada.

A pancada vem, a felicidade também!

No fundo, fugir para a colina mais próxima sempre parece a opção mais segura, mas não é necessariamente a melhor saída. Você não precisa de proteção, você precisa é viver!

Mais olho no olho e menos saídas de emergência.

Mais abraço apertado e menos pânico em conhecer gente nova.

Que a gente viva cada vez mais o mundo real e não use o universo digital como a nossa mais bela rota de fuga.

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.