6min. de leitura

Dizer adeus, às vezes, é a melhor escolha, mesmo que doa!

Nossas vidas são feitas de ciclos, de caminhos que devemos iniciar e concluir, para que possamos avançar.

No entanto, não é fácil abrir mão de determinadas coisas. Como podemos encontrar força dentro de nós mesmos para abandonarmos pessoas ou situações que uma vez já foram o centro de nossa existência?


Por mais que doa no princípio, você deve a si mesmo despedir-se dos relacionamentos que não o fazem crescer enquanto pessoa, que são baseados no egoísmo e na vantagem pessoal. Seu crescimento e própria felicidade devem ser os alicerces de todas as suas relações.

Muitas vezes, não é fácil seguir de mãos dadas com a felicidade que desejamos para nós mesmos, precisamos ser valentes e motivados, sabendo que, muitas vezes, deveremos fazer sacrifícios que facilitarão nosso caminho mais à frente.

Analisando nossas vidas e relacionamentos

Nem todos nós temos o hábito de considerar nossa qualidade de vida em uma base diária, dedicando tempo todas as manhãs para identificar como nos sentimos e o que pode tornar nosso dia mais iluminado.


O verdadeiro propósito da vida não é se obrigar a estar no auge de sua felicidade todos os dias, mas ter a paz e tranquilidade suficientes dentro de si para estar bem com tudo o que tem e o que é, mesmo em meio às dificuldades da vida.

Para a manutenção de uma qualidade de vida saudável, é imprescindível desenvolver um relacionamento consigo mesmo. Reflita todos os dias sobre sua vida, converse com seu interior. Foque sua vida em si mesmo, não nos outros. Você é tão importante quanto aqueles ao seu redor.

Analisar a situação atual de sua vida é uma parte muito importante de uma existência mais significativa. Diferencie todas as coisas que despertam sorrisos e alegria em seu rosto, das coisas que o ferem e preocupam.



Um adeus nem sempre corresponde a uma despedida

Quando analisamos as nossas vidas e percebemos que existem coisas e pessoas das quais precisamos nos afastar, descobrimos que nem todo adeus é uma despedida, pode muito bem ser uma oportunidade de recomeço:

  • O abandono dos pensamentos negativos, por exemplo, nos traz mais oportunidades de conservar o otimismo, que é fundamental para uma vida equilibrada e saudável.
  • Já o abandono da necessidade de agradar aqueles ao nosso redor nos fornece uma liberação emocional sem tamanho, permitindo que sejamos verdadeiramente livres em nossas atitudes, levando nossas vidas para a direção que mais nos engrandece.

A dificuldade de despedida das pessoas que amamos

Provavelmente todos já nos encontramos na seguinte situação: Amamos uma pessoa com muita intensidade, mas percebemos que ela não nos acrescenta nada além de dor e decepções.

Quando chegamos a essa realização, pode parecer que atingimos uma encruzilhada, ficamos incertos sobre qual o melhor caminho a seguir. Qual a melhor maneira de resolver essa situação?

  • Quando temos um problema com alguém que amamos, o primeiro passo é tentarmos o nosso melhor para resolver a situação. Se já tiver feito isso e mesmo assim perceber que está investindo em alguém que não faz a sua parte, o melhor a fazer é dizer adeus.
  • No entanto, a atitude de dizer adeus é séria, você precisa estar verdadeiramente decidido. Deve entender que não precisa mais sofrer, que pode seguir a sua vida plenamente mesmo sem outra pessoa do lado. Muitas vezes estamos melhores sozinhos do que com companhias que apenas nos colocam para baixo.
  • Quando chegar o momento de conversar com a outra pessoa sobre sua decisão, seja sincero e explique os motivos pelos quais você precisa dessa despedida. No entanto, seja firme, pois muitas vezes podemos mudar de ideia por uma atitude momentânea, e isso pode nos custar um alto preço emocional.

Recuperando a sua relação consigo mesmo após um adeus

Quando dizemos adeus, cortamos uma parte de nós mesmos que estava ligada a outra pessoa, relacionamento ou situação. Sofremos uma perda, e para nos recuperarmos de forma mais completa, é essencial que fortaleçamos nosso vínculo pessoal, para continuarmos seguindo rumo a nossa felicidade.

Abaixo estão dicas importantes para o restabelecimento de sua relação consigo mesmo:

  • Guarde em sua mente que o adeus foi uma atitude necessária em direção a uma melhor vida. Não viva em lamentações, mas renasça e redescubra-se de uma maneira mais positiva.
  • Parabenize-se por sua coragem e iniciativa de ir atrás da própria felicidade.
  • Liberte-se de toda e qualquer mágoa ou rancor relacionadas ao seu adeus. Se você estiver mantendo sentimentos negativos de ressentimento ou raiva, não será capaz de evoluir. Aproveite a sua liberdade.

Pode ser difícil, mas  às vezes é melhor dizer adeus do que viver em um estado constante de limitação e infelicidade.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.