Comportamento

Dizer “não” é uma arte! Veja como fazê-lo graciosamente:

Sabe quando aquele colega de trabalho vem até você e diz: “Ei, estamos pensando em ir a uma cervejaria depois do trabalho, quer ir?”



O tempo para. Você já se imagina brindando. Pode até sentir o gosto da cerveja, mas a verdade é que você está exausto.

Você ficou até tarde acordado com seu parceiro, está acordado desde as 5 da manhã, e o trabalho tem sido extremamente cansativo no dia.

Você quer dizer não. Você precisa dizer não. Mas antes que perceba, está dizendo: “Claro, parece ótimo!” E imediatamente esse sentimento de pavor aparece. Ótimo. Outra obrigação.


Aqui está algo que você talvez não saiba: a maioria das pessoas quer dizer não a mais da metade das coisas que lhes pedem para fazer. Então, por que não? Por que a pressão para ir contra o que você realmente quer?

Todos nós desejamos ser apreciados pelos outros, e não há nada de errado com isso – contanto que não te leve a comprometer o que é realmente importante para você.

A boa notícia é que você pode aprender a dizer não de uma maneira alegre e respeitosa! Desta forma, pode se poupar de muito estresse e cansaço.

Aqui está o que funcionou para mim e alguns dos meus amigos:


1.Reconhecer a pessoa e o pedido

Nem sempre é fácil chegar e pedir algo a alguém. Requer coragem. Reconheça essa coragem e deixe a pessoa saber que você a aprecia pedindo / convidando / pensando em você, etc. Você pode dizer: “Eu agradeço por ter lembrado de mim”.


2.Ofereça uma recusa clara


Sem enrolação, não diga “talvez” ou “vou pensar sobre isso.”

Seja claro que a resposta é não. Você vai ser tentado a fazer uma longa dissertação sobre o porquê ou começar a se desculpar profusamente. Não. Apenas diga não.

“Eu agradeço por ter lembrado de mim, mas vou ter que recusar.”



3.Se for necessário, ofereça uma explicação

Eu percebo que é desafiador dizer não e não oferecer nenhuma explicação. Você não tem que explicar porque sua resposta é não, mas pode se sentir melhor se você fizer isso. Resista ao desejo de inventar desculpas ou mentir. O ponto aqui é aprender a falar a sua verdade.

Aqui estão algumas explicações que funcionam bem:

“Amiga (o), estou tão exausta (o) que mal consigo pensar direito. Para minha própria sanidade, é melhor recusar. Mas agradeço o convite.”


“Fiz um compromisso comigo e com minha família de que iria descansar por um tempo.”

“Estou certo de que não sou a melhor pessoa para fazer isso por você.”

“Tenho essa regra de emprestar dinheiro, nunca empresto dinheiro a amigos ou à família”.



4.Ofereça uma referência

Você reconheceu seu pedido. Você o deixou saber que sua resposta é não (com ou sem uma explicação).

Agora, se acontecer de você conhecer alguém (ou um livro, empresa, site, etc.) que pode ajudar essa pessoa, dê-lhe uma referência. Alguém pode ter tempo para ajudá-la.

“Ei, eu conheço um ótimo [designer, empresa de serviços, livro, guru espiritual, etc.] que pode ser exatamente o que você precisa.



5.Deseje-lhe o melhor

Termine com uma nota positiva, um incentivo e desejando-lhe o melhor. “Novamente, eu agradeço por ter lembrado de mim. Estou torcendo por você e enviando-lhe vibrações positivas!”

Dizer não, não é pessoal, então se você puder manter sua resposta leve, respeitosa e amigável, a pessoa será capaz de sentir essa energia e não levará a recusa para o lado pessoal.


E você? Tem dificuldade em dizer não? Se assim for, trabalhe na criação de suas próprias respostas. Seja um modelo. Afinal, quando falamos e vivemos nossa verdade, o mundo se torna mais feliz e muito menos ressentido. E isso é incrível!

____

Traduzido pela equipe de O Segredo – Fonte: Mind Body Green

Astrologia druida – o que a árvore do seu signo revela sobre você:

Artigo Anterior

Os “fatos alternativos” são reais. A verdade é subjetiva!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.