3min. de leitura

A DÚVIDA SOBRE AS PESSOAS É UMA ARMADURA MESMO!

Já aconteceu com você de estar certa que está com alguém que realmente pode te fazer feliz e ter medo? Claro né. É como se despertasse na gente um sentimento de proteção. Como se fosse a mãe avisando:


-Você vai cair daí.

Quando você é pequeno, tenta pela simples sensação de adrenalina e pelo risco de dar certo. Fico pensando, em que momento aprendemos a coibir essa sensação de ter certeza que isso não mata e vale o risco. Quando aprendemos a temer cair, errar?

Você fica procurando motivos para dizer que seus medos têm fundamento, só que eles estão simplesmente sendo supervalorizados por você. É uma luta tão individual, enraizada dentro de você pelas suas experiências e vida. Óbvio que não existe uma solução única para se livrar disso.


a-duvida-sobre-as-pessoas-dentro

Eu tenho grande dificuldade em confiar nas pessoas. Penso sempre eu assim que entregar meu coração seja a um amigo, um namorado ou qualquer coisa do gênero ele irá me abandonar sozinha.


Pode até ser um trauma de infância ou sei lá, mas invariavelmente tem funcionado.

É complicado trazer as experiências passadas para a atual porque as pessoas são diferentes. O problema é como se entregar de coração para uma pessoa que sabe que quando for embora vai te machucar?

Eu sou do signo de peixes então me apego muito fácil às pessoas. Procuro ter cuidado com essas coisas, mas não consigo controlar. Quando preciso de colo eu me recolho.

Fico mais quieta e algumas pessoas me disseram que isso aparenta que eu desisti das pessoas. Não é verdade. Eu simplesmente não estou conseguindo lhe dar com a situação e não admito que as pessoas tenham acesso a minha fragilidade.

Tenho uma necessidade de ser forte o tempo todo (que estou tentando driblar). Acontece que a cura das minhas feridas se dá só por mim. E eu sou muito insistente só que quando eu tomo medo ou quando a pessoa me fere muito prefiro simplesmente ir embora e ser forte bem longe.

A dor da ausência eu já conheço bem. Sei lhe dar com ela, tenho certeza que dói, mas passa. Então é mais fácil permanecer nessa dor que seguir em frente e descobrir novas. Percebe que todos nós fazemos isso?

a-duvida-sobre-as-pessoas-capa

De alguma forma a dor que já nos acostumamos é mais fácil que o desconhecido. Estou tentando de coração vencer esse medo. E ir em busca daquilo que não conheço, mas esse texto é para pedir a sua ajuda. Como eu faço isso? Porque está difícil descobrir sozinha.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.