É a sua vez! Está na hora de você conspirar a seu favor!

Há dias em que tudo dá errado. O celular não desperta, o trânsito para, a internet acaba, o servidor cai… “O que fazer em dias assim?”.

Tem dia que é ruim mesmo, fazer o quê? Não dá para ganhar todas! Em dias assim, o máximo que dá para fazer é o-copo-meio-cheio: qual é o lado bom? Acordar atrasado é ruim, mas pelo menos dormi um pouco mais, estou mais descansado, meu corpo estava precisando disso.

É a ideia de “em tudo dai graças”; não porque não podemos nos frustrar, não somos robôs que reagem automaticamente aos eventos da vida, mas para direcionar o nosso imã para esta ou aquela prateleira, como falamos no texto anterior.

Estamos dedicando muito tempo e energia ao exterior, criando expectativas. Desejamos profundamente que o Universo/Deus conspire a nosso favor, mas há algo de extrema importância que podemos estar esquecendo: você conspirar a seu favor.

É claro que não existe uma regra para isto, mas, especialmente, se você foi um aluno acima da média, há grandes possibilidades de você estar conspirando contra si. Talvez uma resposta certeira e um elogio do professor tenham feito surgir um comentário maldoso dos seus coleguinhas, “se acha demais”. Mesmo que isso não tenha acontecido, o medo de ser rejeitado e/ou taxado de “arrogante”, pode fazê-lo sufocar seus talentos, fazendo-o apagar a sua luz.

Volto a dizer: está na hora de você conspirar a seu favor!

Minha mãe me chama de “bruxo” desde sempre porque eu sempre tive facilidade em “ler” pessoas, falar a palavra certa na hora certa para a pessoa certa. Isso faz de mim melhor do que os outros? Não! É apenas um dom, o meu dom. Assim como há milhões de pessoas, excepcionais em tantas outras coisas das quais possuo zero habilidade! Eu temia aparentar “sabichão”, guardava o meu dom só para mim. Um erro! Comecei a compartilhar com amigos mais próximos, quase como segredos.

Hoje, felizmente, este dom pode ajudar diversas pessoas a terem, de certa forma, a vida um pouquinho melhor. Mas cheguei a pensar que eu era um erro na Terra, que havia nascido na família errada, em época errada. Vivia lendo sobre diferentes culturas e religiões para ver se alguém me dizia o que eu tinha que fazer para que o Universo conspirasse a meu favor. Eu queria ser aceito, mas negava a mim mesmo, tinha medo e, por isso, não conspirava a meu favor!

Você, o que me diz: você conspira a seu favor? Ou você acha que pode estar se sabotando? Por medo, talvez?

Conspirar ao próprio favor resume-se em amor-próprio. Amor-próprio não é egoísmo, nem egocentrismo. Quem é muito umbigo, um dia ou outro acaba confundindo umbigo com poço e se afunda sozinho. É diferente! Amor-próprio é permitir-se dizer “não” – que, às vezes, envolve bloquear, afastar-se e excluir –, é saber apreciar o próprio corpo, não mendigar atenção e amor de ninguém, afinal de contas, ou é dado de coração ou não é verdadeiro; é saber que as pessoas erram (e têm este direito. Perdoe-as!), sem se esquecer de que “alguém que erra uma vez, pode não errar duas, mas alguém que erra nove, erra dez”, valorize-se o bastante para não permitir que estes alguéns continuem errando com você e se aproveitando do seu bom coração e suas desculpas. Amor-próprio é amar, valorizar, explorar e viver os próprios dons, sem se importar se eles renderão o Nobel ou um sorriso no rosto de alguém.

Conspirar ao próprio favor é primordial porque a vida é um reflexo, e, sendo assim, nada melhor do que projetar situações positivas, para quando voltar, voltem a nosso favor, não contra.

A gente fica frustrado, às vezes, por conta das nossas próprias expectativas. Enviamos uma mensagem para alguém, na expectativa de que esta pessoa nos responda com coraçõezinhos, porque queremos ser paparicados, mas, se ela não responde assim, nós nos frustramos, o dia fica estragado, nossa vibração vai lá em baixo e, consequentemente, só atraímos e enxergamos energias que reflitam esta vibração. Ou, tenho a intenção de agradar o outro, e por isso só digo “sim”, sendo que minha expectativa é outra; por consequência, acabo com a impressão de que os outros são interesseiros.

Experimente perguntar-se “qual é a minha intenção?” antes de tomar atitudes. A resposta pode ajudá-lo a harmonizar ação, expectativa e intenção. As frustrações podem diminuir drasticamente. Seria bom, não é?

Por fim, posso dizer que nós projetamos situações positivas através da apreciação. Outro dia eu estava preparando o jantar e me dei conta: cara, eu tinha arroz, feijão, tempero, panelas, utensílios, gás e tantas outras coisas para cozinhar, sem ter precisado plantar ou fabricar. Bati o dedo no interruptor, a luz acendeu. A água estava encanada, foi só virar a torneira e pronto. O relógio funcionando me ajudou a acompanhar o tempo de cozimento. Na rua, o clima era de paz. Eu pude ouvir as minhas músicas favoritas. Meus sentidos e organismo funcionavam perfeitamente, minha coordenação motora estava perfeita, estava consciente.

Tudo conspirava a meu favor! E depois que eu “vi” isso, não consegui mais “desver”. Para todo lado que olho, vejo o Universo conspirando a meu favor. Isto desperta em mim algo que, por falta de palavra, vou chamar de “Gratidão”.

Tenho que parar, fechar os olhos, respirar fundo e apreciar tudo o que sou, tudo o que vivo, todas as bênçãos que me cercam! Minha vibração se eleva e passa a atrair mais coisas boas. Se o copo era metade-vazio, vai ficando ¾ cheios! É uma bola-de-neve de bênçãos. Em tudo dai graças!

O Universo inteiro, literalmente, conspira a nosso favor! Basta que tomemos consciência disso, porque isto já está acontecendo! “Deus é bom o tempo todo!”.

Seu subconsciente conspira a seu favor, o Universo conspira a seu favor. Conspire a seu favor, também! Valorize-se, ame-se, respeite-se, dê a si mesmo chances, permita-se, vista-se, invista-se, cuide-se!

A vida é um reflexo daquilo que você emana, as coisas vão se encaixar, quando você se encaixar, antes e acima de tudo, em si mesmo. Você nasceu você, só você pode ser este pedacinho incrível de Deus.



Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site: djem / 123RF Imagens



Deixe seu comentário