É assim que os relacionamentos terminam…

4min. de leitura

Os relacionamentos terminam quando você para de se comunicar.

Quando você para de dizer as coisas boas e difíceis, quando você para de dizer ao seu parceiro o quanto o aprecia, e quando você para de dizer-lhe o que te perturba, e começa a engarrafar suas emoções. Os relacionamentos terminam quando você começa a falar com todos sobre seus problemas, e se esquece de falar com seu parceiro primeiro, os relacionamentos terminam quando vocês não se explicam um ao outro, e você começa a explicar a si mesmo para outra pessoa.




Os relacionamentos terminam quando vocês param de mostrar amor e carinho um ao outro.

Quando você acha que o romance tem uma data de validade, quando você fica muito confortável e se esquece de mostrar ao outro o quanto se importa, quando você se torna tão certo de que seu parceiro não vai a lugar algum que para de mostrar apreciação ou se esforçar. Quando você começa a desvalorizá-lo, quando para de agradecer-lhe pelo o que faz e por quem ele é. Os relacionamentos terminam quando você mata o amor com suas próprias mãos, quando você afirma que o amor eventualmente desaparece e não há nada que você possa fazer sobre isso.


Os relacionamentos terminam quando vocês param de tentar entender um ao outro.

Quando você para de tentar estar lá para o outro, e quando você para de fazer todas as pequenas coisas que importam, as pequenas coisas que fazem do mundo um lugar melhor, como um sorriso genuíno, um toque de amor, uma palavra amável e deixar alguém saber que não tem que estar sozinho. Os relacionamentos terminam quando você estende as diferenças entre você e seu parceiro e acaba se sentindo sozinho.


Os relacionamentos terminam quando você decide não ser vulnerável.

Quando você não mostra a alguém seu verdadeiro eu, incluindo seus medos, inseguranças e todas as suas cicatrizes. Terminam quando seu parceiro sabe somente uma versão de você, quando você não o deixa ver as partes mais macias, mais delicadas de si mesmo. As partes que você não mostra a mais ninguém – as partes que ele poderia machucar. Terminam quando você tem medo de mostrar-lhe o quanto precisa dele ou como não pode imaginar sua vida sem ele. Terminam quando o ego substitui o coração.


Às vezes, os relacionamentos terminam porque não era para ser, mas às vezes terminam muito cedo, terminam por todas as razões erradas, terminam mesmo que pudessem ter durado, e terminam porque as duas pessoas eram muito teimosas, orgulhosas, assustadas e guardadas para se abrirem.

Alguns relacionamentos acabam porque eram um pouco difíceis, mas relacionamentos não devem ser fáceis, não devem ser perfeitos. Talvez a expectativa de que eles têm de ser perfeitos é o que os arruína.

Os relacionamentos terminam quando você os deixa morrer em vez de trabalhar duro para salvá-los.


____

Traduzido pela equipe de O Segredo – Fonte: Thought Catalog

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.