ColunistasComportamento

Ela é intensa….

ELA É INTENSA capa e dentro

Hoje me deu vontade de falar da intensidade que sou, vem da alma e irradia. Eu não preciso dizer ou mostrar às pessoas, elas sentem! É como mergulhar fundo na adrenalina de viver algo que tire o folego, algo bom, diferente é se doar, é se sentir inteira. Quem me conhece sabe, quem não me conheceu não soube me sentir.



Em um mundo de pessoas tão rasas, tentar mergulhar mais fundo talvez não seja a melhor opção. Talvez a errada seja eu. Não sou perfeita e muito menos rasa. Sei lá, Seja na área profissional, sentimental ou qualquer outra coisa. Sou daquelas que quero saber por detrás daquilo que me desperta curiosidade e mistérios, do que me deixa com a aquela “interrogação”. Por isso vivo um dia de cada vez, amanhã é outro dia e hoje ainda é cedo! Sou transparente na maneira de viver. Intensa na maneira de transmitir verdades, se vai doer ou não, bom….não sei, não importa. O tempo ensina, não gosto de seguir roteiros muito menos fazer planos ou criar expectativas, invento palavras que se encaixam em tudo que sinto, sou livre para ser, crescer e viver.

A simplicidade me cativa, uma mensagem, flores uma surpresa se é com boa intenção é lindo! É melhor do que qualquer joia! Acho que a palavra certa que me define é vida!!! As cores, os cheiros, os sabores, os toques, os sorrisos, os olhares as lágrimas, os sons, o vento. Parece até fácil conquistar pessoas assim, ou não??? Sei lá! Mas muitas pessoas não sabem lidar com isso.

Cada instante pra mim é único, por isso eu procuro viver da maneira mais intensa possível. Não economizo sorrisos e não passo vontade quando o assunto é fazer algo que eu gosto. Ando com o copo sempre cheio e com o coração esperando para ser preenchido. Ninguém vai me ver em casa chorando porque ainda não encontrei “o amor da minha vida,” eu sou impaciente demais pra isso. Por isso peço que não me julgue antes de saber o que penso dessa vida, antes de me perguntar sobre os meus objetivos e interesses. Eu recomendo a não me olhar depressa demais, a maioria dos meus diamantes demoram a ser descobertos.


Um conselho pra lhe dar bem com pessoas tão intensas, sirva-lhe um banquete ou não sirva-lhe nada. Meias palavras, meio amor, meia amizade, meia presença…não me venha com metades se não pode estar. Não sou dramática, sou intensa, não confunda as coisas! Só é possível perceber a minha intensidade quem é capaz de sentir….e eu sinto muito por quem não sentiu nada.

Desapegar para renovar!

Artigo Anterior

Estresse, depressão, ansiedade e exaustão mental> grandes vilões da contemporaneidade!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.