Em nosso período de vida, nascemos 7 vezes, cada vez por uma razão específica

Existe uma lenda que diz que precisamos nascer 7 vezes para que nossas almas possam ir em direção à salvação ou condenação.



Abaixo estão as personalidades de cada um dos sete nascimentos, em ordem cronológica.

1. A criança

Nosso primeiro nascimento é na forma de criança. É um período onde tudo é novo, e estamos observando tudo o que existe ao nosso redor. Leva um tempo para adquirirmos consciência e inteligência e, por isso, podemos viver um pouco perdidos e desorientados. Muitas vezes, nossos esforços parecem desperdiçados.

É uma vida complicada e desafiadora, onde seremos testados de todas as maneiras possíveis.



2. O aprendiz curioso

Essa é a nossa segunda vida. Nela, nosso foco está em aprender coisas novas, portanto vivemos de maneira mais humilde, apenas absorvendo conhecimentos para termos uma melhor experiência de vida, preparando-nos para o que está por vir.


3. O explorador

Essa vida é uma espécie de meio termo entre o exercício da criatividade e a maturidade. Despertamos o nosso explorador interno e buscamos conhecer melhor a vida, o mundo e as pessoas ao nosso redor. Nessa vida, também colocamos em prática as lições que aprendemos em nossos nascimentos anteriores. Sentimos que temos muito para fazer e pouco tempo disponível.


4. O amante

Nesta vida, nós aprendemos mais sobre o que é o amor. Essas descobertas podem ser complicadas e difíceis de processar. Se você é ou conhece alguma pessoa que tem um senso de romance elevado, é porque ela, provavelmente, está em sua quarta vida. Aproveite os amores com cautela, mas não se prive de viver esse sentimento tão poderoso.



5. O conquistador

Nesta vida, nosso foco é o reconhecimento. Fizemos nossas partes nas vidas anteriores e agora esperamos o resultados, apesar de no fundo temermos que seja desfavorável ao que esperamos. Isso desperta uma certa ansiedade, assim como um conquistador que espera todo o seu esforço ser reconhecido e seus sonhos concretizados.


6. O doador

Depois de conquistarmos nossos objetivos, chega o momento de compartilharmos com as pessoas ao nosso redor. Nessa vida, estamos muito abertos à caridade e a ajudar outras pessoas a evoluírem. Como nossas almas passaram por todas as etapas de crescimento, sentimos que podemos contribuir para a evolução das pessoas ao nosso redor. Provavelmente você vai se interessar por atividades que envolvam fazer o bem e pode se apegar à espiritualidade ou a alguma fé em especial.


7. A transcendência

Esse é o nosso último renascimento, e nele vivemos uma espécie de continuação da vida “o doador”, mantendo nosso senso de generosidade e caridade.

O que difere essa vida é que valorizamos o tempo para nós mesmos e a introspecção, para termos mais conhecimentos sobre nós mesmos e tudo o que há. Se além disso, você também sente necessidade de um tempo para si mesmo, é muito provável que você esteja nessa última vida.


Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: lzflzf / 123RF Banco de Imagens

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.