Notícias

Emicida critica Piquet por fala racista: “Chofer de jumento”

Foto: Reprodução
Emicida critica Piquet por fala racista Chofer de jumento

Emicida, 36 anos, usou alguns minutos de seu show ontem durante o Festival Turá, em São Paulo, para criticar Nelson Piquet, 69. Comentários do ex-piloto de fórmula 1 apontados como racistas vieram a público em novembro do ano passado.

Piquet analisava um acidente entre Hamilton e Max Verstappen quando se referiu ao heptacampeão mundial como “neguinho” de forma pejorativa diversas vezes.

“Cê tá maluco, mano! Quando é que um mano do tamanho do Lewis Hamilton vai poder tomar ‘orelhada’ daquele chofer de jumento? Esse bagulho de ‘neguinho’ é f*da. Neguinho é o c*ralho!”, bradou o rapper, sendo ovacionado pelo público.

Piquet passou a ser chamado de “chofer” após dirigir o carro que levava o presidente Jair Bolsonaro (PL) no desfile de 7 de setembro.

Em um comunicado divulgado após a repercussão da fala racista, Piquet alegou que “o que disse foi mal pensado” e afirmou que “nunca teve a intenção de ofender”.