Comportamento

Empresários criam couro vegano, feito de cacto. Chega de usar os animais!

CAPA Empresarios criam couro vegano feito de cacto Chega de usar os animais

Procurando diminuir o impacto ambiental e a crueldade com os animais, dois empresários mexicanos resolvem usar o cacto para produzir couro.



Temos apego emocional às nossas coisas. Vamos comprando, conquistando, e tudo é tão difícil de adquirir, que vamos nos apegando aos itens que consumimos. Esse apego pode virar costume, e quando chega ao ponto de se tornar hábito, é muito difícil mudar a forma de agir ou pensar.

Por exemplo, já se perguntou o motivo de usarmos roupas, sapatos e acessórios feitos de couro animal até hoje? Com tanta tecnologia, hoje em dia é possível aproveitar recursos naturais considerados “estranhos” para fabricar peças nunca antes imaginadas.

Pensando nisso, dois mexicanos, Adrian López e Marte Cázarez, começaram a pensar em alternativas baratas e sustentáveis para substituir os produtos feitos de couro animal. Um grupo de empresários comprou a ideia e hoje eles pretendem acabar com o uso de couro animal na indústria da moda.


Como moram no México, a principal ideia que tiveram foi produzir um tipo de couro feito a partir do cacto, planta nativa na região.

No site da empresa Desserto, o grupo afirma que a sua produção de couro vegano e orgânico promove uma sucessão de melhorias na região, se comparada à produção de animais criados para o abate.

De acordo com eles, existe uma melhora na biodiversidade da região, reverte a mudança do uso da terra, enriquece a microflora e a microfauna do solo, economiza muita água, já que eles não precisam de irrigação e preservam o meio ambiente.

O cacto por si só é uma planta capaz de “sequestrar” CO2, regenerar o solo e crescer, mesmo em ambiente hostil.


O principal objetivo de Adrian e Marte é oferecer uma alternativa sem crueldade animal, sem produtos químicos e agrotóxicos. Com os cactos, eles conseguem obter um couro parcialmente biodegradável, com todas as especificações técnicas exigidas pela indústria da moda.

2 Empresarios criam couro vegano feito de cacto Chega de usar os animais

Direitos autorais: reprodução/DESSERTO.

Depois de colher apenas as folhas maduras, sem arrancar toda a plantação, elas são colocadas para secar à luz do sol durante três dias. A ideia de usar o cacto surgiu enquanto Adrian trabalhava fabricando móveis e depois no setor automotivo. Marte já estava na área da moda e, segundo reportagem da Fashion United, eles decidiram trabalhar juntando seus conhecimentos para essa nova criação.

Além de seu compromisso com o ambiente em que vivem – cuidar do solo, usar menos água, não destruir as plantações e não competir com a indústria alimentícia –, eles também têm sério compromisso com os animais.


A partir do momento em que questionamos os velhos hábitos, abrimos caminho para que coisas novas entrem em nossas vidas. As roupas que usamos, os acessórios que escolhemos, os sapatos que colocamos, tudo isso são formas de expressão do ser humano. Quando escolhemos usar produtos que envolvem sofrimento animal, o que estamos escolhendo passar? É importante pensar no bem-estar da sociedade de forma integral, fauna e flora.

O que achou dessa novidade? Acha legal a ideia de usar roupas sustentáveis?

Compartilhe com seus amigos nas redes sociais!


Após ser criticada por anúncio com erros, diarista do AM ganha artes de seguidores e recebe ofertas de trabalho

Artigo Anterior

Deus está afastando as preocupações do seu coração e iluminando seu caminho. Você será muito abençoado!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.